21 de Setembro de 2018,

Cidades

A | A

Quarta-Feira, 11 de Julho de 2018, 10h:15 | Atualizado:

PRIORIDADES

Totens alertam motoristas ao estacionar em Cuiabá

totens2.jpg

 

A Prefeitura de Cuiabá passou a usar totens com imagens de um idoso e um cadeirante em frente às vagas prioritárias nas ruas da capital, a fim de tentar sensibilizar os motoristas a respeitarem a sinalização.

O recurso visual, conforme a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), visa chamar a atenção dos condutores que não respeitam as placas tradicionais e estacionam nas vagas mesmo sem o uso do cartão obrigatório no para-brisas.

A campanha mostra-se necessária quando analisado o número de autuações feitas apenas nos primeiros seis meses deste ano por estacionamento irregular em vagas prioritárias: foram 1.077 motoristas multados por usarem vagas destinadas exclusivamente a idosos e deficientes.

"Implantamos para criar o impacto visual, para que eles não quisessem parar no local nem por um minuto. Vaga prioritária deve ser respeitada", disse a coordenadora de Engenharia da Semob, Adrielle Martins.

O estacionamento irregular em vagas prioritárias gera multa de R$ 293 e sete pontos na carteira nacional de habilitação (CNH).

 

Galeria de Fotos

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Rsantos | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 07h48
    0
    0

    Todos os dias passo entorno da câmara municipal, e vejo carros de funcionários parados nas esquinas, prejudicando a visibilidade dos motoristas que vai virar as esquerda para pegar a Barão de Melgaço, ligo para a SEMOB e nunca foi um agente verificar a situação.

  • Ana | Quarta-Feira, 11 de Julho de 2018, 20h39
    4
    3

    Muito me admira o poder público em gastar dinheiro com totem como se não houvessem coisas mais importantes e emergenciais... até parece q o dinheiro público tá sobrando...será w estão achando q o Brasil é algum país europeu?

  • JEFERSON MATOS | Quarta-Feira, 11 de Julho de 2018, 16h11
    3
    1

    Não adianta. Dão CNH pra qualquer um, logo barbeiragem e desrespeito é a coisa mais corriqueira aqui em Cuiabá.

  • Teka Almeida | Quarta-Feira, 11 de Julho de 2018, 12h10
    9
    1

    De nada vai adiantar, pois isso é questão de EDUCAÇÃO, e isso falta a muitos motoristas. Inclusive o proprio beneficiário, pois se recusa a ir ao SMTU para tirar o seu cartão. Passou da hora dos agentes de transito multar os que não tem direito mas teimam em estacionar e também multar os que tem direito mas não possuem o cartão. Simples assim, mexeu no bolso, mudou de comportamento.