17 de Novembro de 2018,

Cultura

A | A

Quinta-Feira, 13 de Setembro de 2018, 14h:58 | Atualizado:

CIRCULA MT

Salomanos faz show neste sábado em Rondonópolis


RONDONÓPOLIS

salomanos.jpg

 

Em turnê pelo Estado, neste sábado (15) a banda Salomanos chega a Rondonópolis para apresentar à plateia do Sesc, o show O Caminho. No repertório de canções autorais, tem reggae, rock e rap. Vai ser às 21 horas, no Sesc e com entrada gratuita. O projeto da turnê foi selecionado no edital Circula MT, da Secretaria de Estado de Cultura.

Depois de passar por Primavera do Leste, Cáceres, Poconé e Cuiabá, esta que é uma das bandas mais representativas do movimento hip hop mato-grossense, vai realçar o poder transformador da arte, quando a criatividade musical se potencializa com o tom crítico das letras que versam sobre o cotidiano e os contrastes sociais. 

Em grande parte, retratam o cenário e os conflitos da periferia. Incorporadas à sonoridade urbana as canções da banda se revelam verdadeiros hinos de positividade e autoestima. É nisto que apostam os músicos P. Brother (vocal), Fabrício Pimenta (guitarra), Igor Carvalho (contrabaixo elétrico) e Vinícius Barros (bateria). 

De acordo com o vocalista, P. Brother, a circulação por cidades mato-grossenses é divisora de águas na trajetória da banda. “Depois do primeiro disco lançado, o Nossas Raízes, nos sentimos ainda mais envolvidos pelas potencialidades e inventividade da música e poder divulgar este trabalho a vários públicos nos deixa com o ânimo renovado e nos dá ainda mais entusiasmo para continuar criando”, declara.  

Depois de lançarem o primeiro CD intitulado, Nossas Raízes, a banda sentiu necessidade de buscar um conceito, pesquisar novas sonoridades. “A referência sonora do grupo contém toda a diversidade cultural típica do nosso país, permeada de experimentalismos e letras que criticam de forma contundente o flagelo social que envolve as comunidades periféricas e que são sonoramente ignorados por todas as esferas do poder. Versamos sobre conflitos entre classes e o cotidiano da periferia”, diz com a propriedade de quem vivencia essa realidade.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS