17 de Junho de 2018,

Economia

A | A

Sexta-Feira, 12 de Janeiro de 2018, 20h:32 | Atualizado:

Em 1 ano, auxílios indevidos pagos pelo INSS em MT causam prejuízo de R$ 2,5 milhões


G1-MT

O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) divulgou um relatório de uma auditoria que aponta haver indícios de irregularidade no pagamento de 227 auxílios, pensões e aposentadorias pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em Mato Grosso. Ao todo, o prejuízo é de R$ 2,5 milhões aos cofres públicos.

As análises foram realizadas usando como referência a legislação que trata dos 96 tipos de benefícios e a folha de pagamento de benefícios do INSS de março de 2017.

A maior parte dos casos identificados é de acúmulo do pagamento de benefícios.

No estado, a situação com o maior número de casos suspeitos detectados é o acúmulo de auxílio-acidente e aposentadoria por acidente, com 227.

No Brasil, a auditoria apoontou indícios de irregularidade no pagamento de 31.055 auxílios. Segundo a CGU, se comprovadas as fraudes, o gasto mensal provável é de R$ 26 milhões, totalizando R$ 336 milhões por ano para os cofres públicos.

Ao G1, o INSS disse que, caso as irregularidades sejam confirmadas, “haverá a suspensão e respectiva cobrança em caso de valores pagos indevidamente”.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia
Loading...

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS