17 de Fevereiro de 2019,

Entrelinhas

A | A

Domingo, 10 de Fevereiro de 2019, 16h:00 | Atualizado:

ECONOMIA

AL prevê devolver verba ao Governo

max-russi.jpg

 

Primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Max Russi (PSB) já adiantou que o legislativo irá devolver recursos no final do ano. Ele afirma que uma das suas missões na função de ordenador de despesas é economizar recursos.

“Com certeza queremos chegar ao final do ano economizando recursos, e aí sim devolvendo dinheiro ao executivo, fazendo alguns investimentos. Enfim, dar a contribuição como a Assembleia fez em outros momentos, como no caso das ambulâncias”, disse o parlamentar que não estipulou valores a serem restituídos ao Executivo. 

Max explica que ainda não alinhou com o presidente Eduardo Botelho (DEM) como ficarão as questões orçamentárias, mas garante que mudanças devem acontecer. “A gente não conversou ainda sobre isso, vamos conversar algumas mudanças poderão acontecer, mas não tem nada definido neste sentido”.

 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Moisés Medeiros | Segunda-Feira, 11 de Fevereiro de 2019, 11h32
    3
    1

    Deixa de ser hipócrita deputado, porque Assembléia Legislativa negociou com o governador aumento do duodécimo na calada da noite? O governador fala em pacto pôr Mato Grosso, más sò corta nos servidores do executivo, a empresa dele, ele não fala nada de contribuir com o Estado, pois continua com incentivo! Da mesma forma a Assembléia, porque não faz um pacto pôr Mato Grosso, e todos deputados renuncie a verba indenizatória pôr dois anos, igual fizeram com o RGA do servidor do executivo! É muito fácil, dizer faça o que eu mando! Mas não faça o que eu faço!!!

  • Marcio | Segunda-Feira, 11 de Fevereiro de 2019, 08h18
    2
    1

    Um absurdo, o governo repassar 500 milhões para o poder legislativo, formado por 24 parasitas e 2 mil servidores. Esse valor deveria ser usado para investir na saúde, segurança e educação. Deveria, por que, também, somos sabedores que no executivo, muito dinheiro é desviado para o bolso dos corruptos e criminosos que, assim como nos demais poderes, ou roubam ou aproveitam da situação para se enriquecerem, seja com o pagamento de VI ou outros auxílios que elevam os salários acima do imaginável humano ou com a fraude de licitações. E tudo isso com o dinheiro público.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS