11 de Dezembro de 2018,

Política

A | A

Sexta-Feira, 07 de Dezembro de 2018, 12h:33 | Atualizado:

DISPUTA MUNICIPALISTA

Com 82 votos, atual presidente é reeleito para comandar a AMM

Neurilan Fraga comandará entidade pela 3ª vez; adversário recebeu 30 votos


Da Redação

amm-eleicao.jpg

 

O atual presidente da AMM (Associação Matogrossense dos Municípios), Neurilan Fraga (PSD), foi reeleito para o cargo na manhã desta sexta-feira (7). Este será o terceiro mandato consecutivo de Fraga a frente da entidade, que congrega os 141 municípios do Estado. 

Neste ano, o atual mandatário da instituição disputou o pleito contra o prefeito de Araguainha, Silvio José de Morais Filho (PSD). Fraga recebeu 82 votos contra 30 do adversário.

A disputa da AMM, porém, foi cercada de polêmicas, que envolveu, inclusive, ações na Justiça. A principal delas é de que o atual presidente da AMM não ocupa o cargo de prefeito de nenhuma cidade em Mato Grosso. 

Neurilan deixou o Executivo de Nortelândia em 2016 e consegue se manter a frente da AMM por meio de mudanças no regimento da instituição. 

Ao ter a vitória declarada, Neurilan pregou um discurso de unidade entre os prefeitos e elogiou o adversário. “Quem ganha é o movimento municipalista mato-grossense, pois foi uma disputa democrática e saímos daqui mais fortalecidos e mais unidos”, frisou.

Sobre os planos para a nova gestão, o presidente da AMM colocou que ouvirá os prefeitos para discutir os rumos da instituição. Para ele, os debates serão realizados com objetivo de fortalecer o movimento municipalista.

“Vamos fechar o ano, organizar o novo mandato e reunir a diretoria para discutir com os prefeitos qual a AMM que eles querem. Vamos discutir os municípios, porque com o município forte significa que a população svai ser bem atendida”, pontuou.

 

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Fala o que pensa | Sexta-Feira, 07 de Dezembro de 2018, 16h06
    0
    1

    Senhores olha o absurdo que vcs estão fazendo, tirando o direito de um prefeito eleito pelo voto legítimo de ser o presidente para colocar na AMM um senhor que não é prefeito de município nenhum, sendo assim muda o nome dessa AMM para ACM já que todos cidadãos pode ser presidente,coloca Associação dos Cidadãos mato grossenses. NÃO EXISTE INJUSTIÇA MAIS DO QUE ESSA.....

  • Eleitor indignado | Sexta-Feira, 07 de Dezembro de 2018, 15h30
    0
    2

    Espero que a justiça impeça o Neurilan de assumir novamente, afinal, ele não é prefeito.

  • Rooney | Sexta-Feira, 07 de Dezembro de 2018, 15h04
    1
    0

    Gentemmm parem de recalque, o cara tirou os municípios do vermelho, ajudou a trazer recursos, brigou pelos municípios... o que é bom permanece!!!

  • Araqueto | Sexta-Feira, 07 de Dezembro de 2018, 14h35
    1
    2

    É bem Mato Grosso. Uma associação de 141 prefeituras sendo comandada por alguém que não é prefeito. Uma vergonha. Ainda mais por três mandatos consecutivos. Gostou tanto do poder que não quer largar o osso.

  • Indignado | Sexta-Feira, 07 de Dezembro de 2018, 13h23
    7
    3

    Terceiro mandato, isso é uma piada de péssimo gosto.

  • Lucas Silva | Sexta-Feira, 07 de Dezembro de 2018, 13h04
    7
    4

    ESSA AMM É UMA BOSTA MESMO. TER UM PRESIDENTE QUE NÃO É PREFEITO ? BANDO DE BOSTA DE CACHORRO NÃO SERVEM PRA NADA MESMO

  • Analista Político | Sexta-Feira, 07 de Dezembro de 2018, 12h49
    8
    4

    Esse eleição é igual às eleições na Bolívia e Venezuela, mais de dois mandados, vai por terceiro, quarto, quinto, sexto....os caras não querem largar o osso mesmo? Bom né?

  • Eleitor | Sexta-Feira, 07 de Dezembro de 2018, 12h40
    6
    4

    Vergonha!

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS