21 de Setembro de 2018,

Política

A | A

Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 00h:01 | Atualizado:

DESVIO DE FUNDO

TCE investiga ex-vice de MT por suspeita de usar dinheiro público em festa para servidores e familiares

De acordo com investigação, evento tinha símbolos e imagens promovendo Fávaro


Da Redação

carlosfavaro.jpg

 

O conselheiro interino do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT), Luiz Carlos Pereira, determinou uma investigação nas contas da Secretaria de Estado de Meio Ambiente referente ao ano de 2016. Na época, a pasta era comandada pelo ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD), que acumulava os cargos.

Ele sofreu uma representação interna no próprio TCE-MT acusado de desviar recursos do Fundo de Apoio a Madeira (Famad) para realizar a festa de confraternização dos servidores da Sema de 2016. A determinação do conselheiro interino foi publicada pelo TCE-MT nesta quarta-feira (11).

O membro do órgão apontou para indícios de promoção pessoal do ex-vice-governador, que deixou o Governo do Estado no início do mês de abril deste ano e, em seguida, renunciou a vice-governadoria com a intenção de disputar o Senado. “Trata-se de representação de natureza interna proposta pela secretaria de controle externo em desfavor de Carlos Henrique Baqueta Favaro referente aos atos de promoção pessoal do gestor em evento de confraternização dos servidores da Sema e de seus familiares realizado em 16 de dezembro de 2016, no Sindicato dos Trabalhadores do Tribunal de Contas”, diz trecho da publicação.

De acordo com informações da representação interna do TCE-MT, a festa de confraternização dos servidores continha “símbolos ou imagens" que caracterizam "promoção pessoal de Carlos Fávaro. O fato pode ser um indício de promoção pessoal do político, de acordo com o conselheiro interino.

Luiz Carlos Pereira narrou ainda que os recursos utilizados para realização da festa foram retirados do fundo para incentivar projetos de desenvolvimento de base do setor de florestação. “Entrevejo dos autos que a Unidade de Técnica apontou a ocorrência de recursos públicos decorrente da utilização de recursos do Famada para o financiamento da promoção pessoal de agente público. Neste aspecto, conforme observado pelo Ministério Público de Contas, a situação apresentada nos autos enseja a ocorrência de lesão ao erário que deve ser ressarcida pelo agente que lhe deu causa”, disse o conselheiro interino.

Dependendo dos resultados da tomada de contas, Carlos Fávaro pode ser multado ou obrigado a ressarcir os cofres públicos. Os dados obtidos com o estudo podem ser remetidos aos órgãos de controle, como o Ministério Público do Estado (MPE-MT), que pode propor ações civis públicas na Justiça.

 

Postar um novo comentário

Comentários (24)

  • Air Francisco Costa | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 17h37
    2
    0

    Precisamos fechar o TCE/MT para economizar recursos financeiros. Metade dos conselheiros está presa ou sendo investigada. Logo não é tribunal e sim presidio.

  • joao carlos | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 16h39
    1
    1

    Se fala em nome do governador Pedro Taques alguns servidores ficam loucos, querem destrui lo, jamais conseguirão, e sempre na defesa de quem mais roubou o mt.

  • joao carlos | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 11h55
    8
    1

    O tribunal de contas de Mato grosso e uma vergonha, abram as portas do tribunal e puro circo, julgam, condenam, mas isso e so para os outros, so super salarios, tudo em excesso, PREGAM MORAL,SEM TER......CONHECO UM POUQUINHO ESSES SANTOS.....

  • Gerson Paes | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 10h43
    5
    6

    ALÉM DE TRAIDOR, FÁVARO É LADRÃO DE DINHEIRO PÚBLICO, USOU OS CARGOS PARA SE PROMOVER E GANHAR VISIBILIDADE, DEPOIS SAIU FORA DE FORMA COVARDE. QUEM ESTÁ COMENTANDO AQUI QUE É UMA MANOBRA DO GOVERNADOR SÃO OS CANALHAS APOIADORES DE FÁVARO...COLOQUEM NOME COMPLETO E RG E CPF E AÍ EU VOU DISCUTIR COM VOCÊS. TUDO FAKE, PERFIS FALSOS.

  • Armando | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 10h23
    4
    3

    TCE a serviço das política do Governo.

  • Analista Politico | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 09h35
    2
    3

    Ele é AGRO, ele é POP, lamentável.

  • Muito loco. | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 09h32
    1
    1

    Os maiores pilantras do Pais, são aqueles que se transformam em politicos, para dissimularem, propinas, corrupção, super-faturamento,rou- balheira escandalosa em alto grau, enganadores, e o povo brasileiro vai tomando na tarraqueta e não cria vergonha na cara. Parece até mu- lher de malandro adora apanhar.Muda cambada enquanto há tempo.

  • Galileu | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 09h09
    15
    1

    Esse político deve espelhar-se não só no bom futebol da Croácia mas também no exemplo de Klinda Grabar,presidente da Croácia que foi a copa a sua própria custas e mandou descontar do salário os dias de ausência. Esse é o país que todos queremos.

  • Alvaro Venner | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 08h56
    18
    9

    meu Deus! quando aponta uma possibilidade de melhoras neste TCE a coisa piora... pra quem não sabe esse cidadão, conselheiro substituto do TCE, Luiz Carlos Pereira e sua esposa, são amigos íntimos do governador ... e essa "auditoria" é mais uma encomenda do Pedro Taques para minar a candidatura do seu ex-vice... que sujeira!! que papelzinho ridículo e antiético do nobre conselheiro.... triste de ver !!!

  • Marcelo | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 08h46
    18
    8

    Será que tem o dedo anão de alguém??

  • Jpa | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 08h35
    13
    5

    Cara como a política e suja , e sabe pq estamos sabendo disso pq ele é candidato pq se não ninguém ia saber de nada . Pq não denuncio antes vai começar o comitê da maldade daqui pra frente ..

  • patrick | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 08h34
    15
    8

    Interessante, só foi o Favaro, romper com o Governador e sair Candidato a Senador. Aparece a denuncia... Mai interessante ainda e que são fatos de 2016, se o tribunal de contas tinha essa informação porque so agora em 2018 pede a abertura de Investigação. Olha não conheço o Favaro, mas tem TATU no poste. Imagine quantas denuncias ainda vao aparecer de outros candidatos adversários do Governador.. Esse e o estado de Transformação do Pedro Taques. kkkkk

  • jocadomas | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 08h14
    14
    3

    toma, agora é telhado de vidro e nem começou a coisa

  • Antonio Carlos | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 08h00
    17
    7

    O desgoverno de enrolação usa o tribunal de faz de Contas até para Troller seus adversários. Uma vergonha.

  • Eduardo | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 07h58
    9
    5

    Aí depois quer ser representante de Mato Grosso no Senado... Isso é um tapa na cara do povo.

  • Roberto Almeida | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 07h58
    14
    7

    Esse TCE e voces da FOLHAMAX envergonham Mato Grosso. como podem agir com tanta dependência do Anão de Jardim? Isso é matéria requentada. O Ministério Público já manifestou sobre esse assunto e na ocasião disse que não encontrou nada que ligasse a festa de confraternização da SEMA aos pagamentos efetuados para as despesas em epígrafe. Que coisa horrorosa essas atitudes do FOLHAMAX em relação ao Carlos Fávaro. Mas já entendi o que voces querem.

  • Sargento Jura | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 07h55
    13
    4

    Ninguém escapa da VINGANÇA DE PEDRO TAQUES,a guerra está ano nas eleições será sangrenta,apesar q o puleiro do Pedrinho está sujo e vai desde NAMORADA ARRANJADA,GRAMPOLANDIA,PRIMOS PRESOS,DELAÇÃO DE ALAN MALUF ETC.

  • João Cuiabano do Nascimento | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 07h19
    12
    3

    NÃO É SÓ PROMOÇÃO PESSOAL, trata-se de improbidade administrativa, mas o passaporte dele esta na mão, ou seja, besta somos nós que não tem de onde pegar, por a mão fácil - fácil. Enquanto isso os exportadores segem cada vez mais milionários e o povo sem ponte pra atravessar rio sem ponte a mais de dois anos e nem as estruturas para transposição de obstáculos dá jeito. Ah tá, esta sofrendo reajustes financeiros. No caso e com certeza, para cima...

  • Mario | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 07h02
    13
    5

    Começou a açao da maldade anã. Olhe o que voces deixaram acabar com o nosso estado. Agora se vira para consertar ou viva assim sendo atacado pelo exercito da branca de neve

  • APOSENTADA DO MP REVOLTADA ATÉ A TAMPA | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 06h14
    6
    4

    ENTAO O BATATINHA DO TAQUES ESTA INELEGIVEL A DECIMA POTENCIA... ORAS BOLAS ESTES CONSELHEIROS NOVATOS, CABAÇOS ESTAO MAIS PERDIDOS QUE CEGO EM TIROTEIO

  • servidor zangado | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 06h08
    10
    3

    esse vagabundo não ganha eleição para nada, é um inimigo dos servidores públicos do estado, foi contra a rga para os servidores.

  • Eleitor | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 04h57
    10
    5

    ESTE TCE ESTA AGINDO A FAVOR DO PEDRO TAQUES DE FORMA MUITO CLARA...SERÁ PORQUE O TCE NÃO MANDOU SUSPENDER O DECRETO DE PRORROGAÇÃO DO REFIS? SERÁ PORQUE O TCE NÃO INVESTIGOU A CARAVANA E VER QUE É UM INSTRUMENTO DE TENTATIVA DE CONQUISTA DE VOTOS, VISTO QUE OS HOSPITAIS ESTÃO PADECENDO POR FALTA DE RECURSOS? PORQUE SÓ AGORA QUE O TCE ESTÁ PREOCUPADO SERA PORQUE ELE É CONTRA O PEDRO TAQUES? VERGONHOSO ESTAS ATITUDES DESTE TCE QUE A SOCIEDADE JÁ TEM COMO UM MERO CABIDE DE EMPREGO SEM NENHUMA IMPORTÂNCIA PARA A DEFESA DO POVO...

  • Justino Mariano Curvo | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 03h42
    14
    3

    Tinha até brinde na festa com a logomarca do senhor Carlos Fávaro. Tem fotos que comprovam esse crime. A banda que tocou na festa a todo momento citada o nome do ex-vice. Foi uma festa para servidores, mas tinha muitos políticos e cabos eleitorais de Fávaro na festança. Provas do crime eleitoral é que não faltam.

  • J.José | Quinta-Feira, 12 de Julho de 2018, 02h08
    6
    1

    Realizado no Sindicato Sitcontas, kkkkkkkkkk Dá nada Não.