13 de Agosto de 2020,

Artigos

Cidades

A | A

Terça-Feira, 23 de Janeiro de 2018, 10h:45 | Atualizado:

Agentes ciclistas auxiliam orientação do trânsito de Cuiabá

Quem passa pelos calçadões de Cuiabá ou pela Orla do Porto já deve ter se deparado com agentes ciclistas, isso porque eles fazem parte dos 181 de agentes de trânsito da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), dando suporte em locais em que há práticas de atividades física e grande movimentação de pedestres.

O trabalho desses agentes teve início em 2017 juntamente com o lançamento do “Bora para Orla”, onde a Orla do Porto é fechada aos domingos, das 07h às 18h, a fim de que a as pessoas utilizem o espaço para a realização de atividades recreativas como, por exemplo, caminhadas, ginásticas, e passeios de bicicleta, skate e patins, dentre outras práticas que oportunize entretenimento às famílias e grupos de amigos.

A agente de trânsito Anelise Figueiredo, diz que os motoristas muitas vezes não identificam por terem o uniforme diferente, mas passam a entender após verem a logomarca da Secretaria. “Por andarmos com uniformes mais informais, as pessoas não nos veem como agentes, mas ao verem o símbolo da Semob, já muda de figura. No centro, local onde mais trabalhamos, as pessoas já nos reconhecem, mas nosso papel é como de qualquer um outro agente de trânsito, fiscalizar e orientar”, conta Anelise.

Para a gerente de lojas Laura Silva, que leva a filha de 11 anos na Orla para andar de patins, a presença dos agentes traz segurança. “ Apesar da minha filha já ser uma mocinha, eu fico tranquila em saber que os 'amarelinhos' estão aqui para evitar que os motoristas mais teimosos invadam a pista”, comenta.

Os agentes de bike auxiliam ainda na segurança em competições e passeios ciclísticos, na orla do Porto, nos calçadões e em lugares de grande aglomeração de pessoas, locais esses que podem apresentar alguma dificuldade na inserção de viaturas.

“Há condutores que insistem em transitar ou estacionar em locais indevidos, e dependendo do fluxo de pessoas e do lugar, nossas motocicletas e viaturas até conseguem entrar, mas por segurança, os agentes de bike são os que vão auxiliar nesses casos”, afirma o diretor de Trânsito, Michel Diniz.

Ao todo são seis ciclistas que trabalham durante três turnos na capital. Esses agentes exercem as mesmas funções dos outros, fiscalizando, orientando e sempre que necessário, até mesmo corrigindo os motoristas e motociclistas que cometem alguma infração.

“Eles estão diariamente na rua auxiliando o trânsito. A princípio é uma abordagem educativa, mas se o motorista insistir em cometer algumas infrações de trânsito, ele será punido e inclusive se for reincidente, poderá até mesmo ter o seu veículo removido”, completa o Diretor.

Educar o motorista e fazer com que haja harmonia entre o condutor e o pedestre, faz parte da gestão do prefeito Emanuel Pinheiro, humanizando o trânsito e, é com esse princípio que a Semob tem trabalhado e investido em campanhas educativas, finaliza Diniz. 

 

 

 



Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS