10 de Agosto de 2020,

Cidades

A | A

Sexta-Feira, 02 de Fevereiro de 2018, 20h:15 | Atualizado:

EXEMPLO

Aluna de escola pública em Cuiabá passa em Medicina

MEDICINA.jpg

 

O sonho de conquistar uma vaga em uma universidade pública é algo que pode parecer distante para alguns alunos, principalmente para aqueles de escolas públicas. E se o curso escolhido for para Medicina, esse sonho fica mais distante ainda.

Contudo, a jovem Hingrid Cristine de Oliveira, 19 anos, ex-aluna da Escola Estadual Pascoal Moreira Cabral, em Cuiabá, comprovou que, com muita dedicação e esforço, qualquer pessoa consegue chegar onde quiser. Com nota 960 na redação e 738 no geral, a jovem conquistou uma vaga para o curso de Medicina na Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Ela efetivou a matrícula para o curso nesta sexta-feira (02.02). “Quero dizer para quem, assim como eu, sonha em estudar em uma universidade pública, acreditar no seu potencial e persistir, mesmo que outras pessoas digam que seu sonho é grande demais e que tudo pareça fora da sua realidade, acredite! Não desista nunca, continue tentando, estudando e se esforçando”.

A aluna estudou na EE Pascoal Moreira Cabral do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, concluindo a educação básica em 2016. Naquele ano, ela prestou o Enem e conquistou uma vaga em um curso no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT), mas ainda não era o que sonhava.

No entanto, após persistir e se dedicar muito, a recompensa veio este mês, com o resultado do Enem, o qual classificou a aluna para uma vaga na UFMT e no curso tão desejado.

Hingrid conta que a decisão em fazer Medicina ocorreu ainda no 8º ano. Era a única profissão a qual se via exercendo no futuro e colocou na cabeça que conseguiria. “Desde então me dediquei muito. Chegava bem cedo na escola e sempre que possível ia para a sala dos professores tirar dúvidas. Além disso, estudava no período da manhã na escola e à tarde e início da noite em casa”.

Segundo os professores, o acesso de Hingrid em uma universidade pública era certa, pois ela sempre foi uma aluna focada nos estudos. “Eu nunca tive dúvidas de que ela conseguiria. Fui sua professora do primeiro ao terceiro ano e percebi no transcorrer dos anos que seu esforço e seu potencial a levaria realizar seu sonho. Ela sempre foi uma ‘devoradora’ de livros”, revela a professora de Língua Portuguesa, Mirian Lesbao, dizendo que em suas aulas estimula a leitura e a escrita nos alunos. Para a diretora da escola, Ruthneia Cavalcante de Morais, foi muito gratificante, como professora, participar do processo de aprovação da ex-aluna em uma universidade pública.

“Ficamos felizes, pois sabemos que além da dedicação e esforço dela, essa vitória é também da escola e de todos os profissionais que sempre buscaram fazer o melhor trabalho. Quando se tem alunos dedicados, aliado a uma equipe de bons profissionais, o resultado sempre é positivo”, enfatiza.

A diretora conta ainda que a escola tem um trabalho diferenciado com o 3º ano, sempre incluindo atividades que ajudam os alunos na preparação para o Enem, como trabalhar com as questões que foram aplicadas nas avaliações do exame.

A mãe de Hingrid, a servidora pública Luciane Maria de Arruda, diz que sempre apoiou e deu suporte para que a filha fosse em busca de seus sonhos. Na hora de falar da filha, ela não poupa elogios.

“Ela é muito focada, determinada, estudiosa e esforçada. Ela merece tudo isso, pois sempre batalhou para conseguir seu espaço”, disse a mãe, que trabalha na limpeza de uma escola estadual.

“Acredito que esse será um curso que vai exigir muito de mim, mas sei que vou conseguir passar por todas as dificuldades e no futuro exercer um bom trabalho”, completou Hingrid, que ainda não se decidiu em qual área da Medicina pretende se especializar. Quero conhecer a fundo todas as áreas e ver com qual me identifico mais”, finaliza.

 

Galeria de Fotos



Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Ledirlene | Sábado, 03 de Fevereiro de 2018, 21h50
    0
    0

    Parabéns pela sua dedicação Hingredy, quem acredita sempre alcança e principalmente qdo se dedica e não existe estudo ou Escola fraca, existe alunos que tem foco e determinação e você é uma. Deus te abençoe nessa caminhada é que vc se torne uma ótima profissional para salvar mtas vidas.

  • Jean | Sábado, 03 de Fevereiro de 2018, 10h06
    1
    0

    Parabéns!!!!! quando deixamos de ser vitima com certeza o sonho é apenas chegar a hora certa e concretizar, que Deus continue tem abençoando.

  • Ferreiro | Sábado, 03 de Fevereiro de 2018, 09h13
    1
    0

    Quem acredita consegue. Mais uma razão de crer em alunos da escola pública. Além dessa moça, conheço outros tantos alunos de escola pública nos cursos de várias engenharias, veterinária, direito, enfermagem, farmácia nas mais diversas UF brasil afora. Todos saidos de escolas públicas de MT.Governo, acredite! escola pública da certo e é só assim que o filho do pobre muda de patamar, de classe social.

  • Walter | Sábado, 03 de Fevereiro de 2018, 08h53
    1
    0

    Parabéns a aluna e ao professores.

  • Maria | Sábado, 03 de Fevereiro de 2018, 08h26
    1
    0

    Parabéns! Q felicidade ter essa notícia! Sou uma professora de escola pública aposentada e essa notícia me deixou mto feliz! Mesmo q nunca tenha sido profissional nessa escola! Parabéns à equipe de profissionais e tb à família dessa menina! Q Deus a abençoe mto, q prossiga seus estudos c mto sucesso!

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS