Cidades Sábado, 22 de Junho de 2024, 09h:48 | Atualizado:

Sábado, 22 de Junho de 2024, 09h:48 | Atualizado:

SOLIDARIEDADE

Após AVC, idosa perde movimentos e fala; família pede ajuda para cuidados

Ela ainda sofre com as limitações do Alzheimer e do Parkinson

DANTIELLE VENTURINI
A Gazeta

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

Joao Vieira    

vitima-AVC-ajuda

 

Com uma dívida de quase R$ 2 mil em farmácias, precisando realizar exames, comprar medicamentos e também produtos de higiene, a família de Maria Severina da Costa Campos, 72, que mora no bairro São Simão, em Várzea Grande, precisa de ajuda. A idosa, que há alguns anos sofre com as limitações do Alzheimer e do Parkinson, teve, há 4 meses, um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e ficou completamente sem movimentos, sem fala e dependo ainda mais dos cuidados das filhas. 

A família é carente, passava por diversas dificuldades e já contava com a solidariedade de pessoas para cuidar de Maria Severina. Agora, a situação piorou. "São mais cuidados, mais despesas e está bem complicado para nós", afirma Micaela Alves da Costa, 35, filha da idosa, que mora na casa com mais 3 filhos menores e é a principal responsável pelos cuidados. 

Sem poder trabalhar, ela ainda conta com a ajuda de uma irmã e do sobrinho nos cuidados diários com a mãe. Na casa, a única renda é a aposentadoria da idosa, que não dá nem para as medicações. As despesas são altas porque os remédios não são baratos e ainda têm os curativos, alimentação dela que tem que ser rica em vegetais. 

Para dificultar ainda mais, um problema com o celular em que ficava logado a conta da idosa acabou bloqueando o acesso e a família precisa encontrar um jeito de levá-la ao banco. 

Nas últimas semanas, Maria Severina ainda contraiu uma infecção urinária e reclama de muita dor pélvica. Nesta semana, uma médica do posto de saúde da família foi até a casa da idosa examiná-la e passou uma lista de exames e medicamentos para serem realizados o quanto antes. 

"Pelo Sistema Único de Saúde (SUS) é muito demorado, não marcam tudo de uma vez, e ela não tem mais condições de ficar indo e voltando, não se locomove, não temos carro. Então, precisamos fazer de forma particular, mas não temos como". 

Além dos novos exames e medicações, ainda há os medicamentos diários usados pela idosa, um deles o Depakene, que uma caixa custa em média R$ 90 e não é fornecido pelo SUS. 

Micaela lembra que as condições em que a idosa se encontra exigem muito mais despesas do que a família poderia arcar com higiene, alimentação, saúde, além de disponibilidade de tempo. "Ela é pesada, sozinha não dá para fazer tudo. Além disso, têm noites que ela não dorme, passa gritando ou murmurando, pois não consegue mais falar".

Para ajudar a família e ter mais informações o contato é 65 99685- 2695 (Micaela).





Postar um novo comentário





Comentários (4)

  • Meyre

    Domingo, 23 de Junho de 2024, 00h23
  • Isso deve ser acompanhado pela SEC de Assistência do Município, SEC de Saúde e solicitar acompanhamento da Defensoria Pública e todo um conjunto de Rede de Proteção aliado ao Conselho do Idoso. Todos recursos podem e devem ser obtidos pelas Instituições Públicas E direito!!!
    0
    0



  • Resposta ana

    Sábado, 22 de Junho de 2024, 20h56
  • Ana devemos sim cobrar o poder publico, no entanto, devemos TB fazer nossa parte enquanto Cristão...cidadão....cadê o agro de MT?¿??? Não poderia ajudar essa família???? Cara doou 1 milhão pra time futebol....enquanto não tem.coragem doar 1 real agora pra ajudar essa mãe certamente trabalhou muito na vida contribui com o Pais.
    1
    0



  • Roberto

    Sábado, 22 de Junho de 2024, 17h18
  • Eu fiz minha parte procurei a família fiz uma pequena doação.Agora CADE O AGRO DE NOSSO ESTADO? OS GRANDES EMPRESARIOS? ESSA FAMILIA MUITO CARENTE E ESTAO PRECSANDO MESMO QUEM PDER AJUDAR VAI LA E AJUDE.COMCAMOS OS PATRIOSTA MT QUE AJUDE!!
    0
    0



  • ana

    Sábado, 22 de Junho de 2024, 10h25
  • cade o prefeito?
    5
    0









Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet