24 de Janeiro de 2020,

Cidades

A | A

Terça-Feira, 14 de Janeiro de 2020, 09h:20 | Atualizado:

BARBADO

Avenida terá continuidade de obra em Cuiabá


Diário de Cuiabá

mauro-barbado3.jpg

 

Obra remanescente da Copa do Mundo de 2014, a implantação e duplicação da Avenida Parque do Barbado, entre a Avenida Fernando Corrêa Costa e a Rodovia Archimedes Pereira Lima, mais conhecida como Estrada do Moinho, no Bairro Jardim das Américas, em Cuiabá, foi entregue, ontem (13), pelo governo de Mato Grosso. Na oportunidade, o governador Mauro Mendes anunciou que estão sendo feitos os estudos de viabilidade para a continuidade da pista até a Avenida Juliano Costa Marques, que liga a Avenida Historiador Rubens de Mendonça (CPA) a bairros como o Bela Vista.

O trecho da pista entregue compreende um total de 1,6 quilômetros e recebeu investimento da ordem R$ 29,5 milhões. A obra, que deveria ter sido entregue há cinco anos, só foi concluída pela atual gestão, que também entregará ainda neste mês o Centro Olímpico de Treinamento da Universidade Federal de Mato Grosso (COT UFMT), outra obra prevista para os jogos realizados há mais de cinco anos.

“Esta avenida terá uma grande capacidade, quando concluída definitivamente, sendo uma das mais importantes transversais na cidade de Cuiabá. Esta é mais uma contribuição do governo com a mobilidade urbana da capital”, disse Mendes. Na oportunidade, governador afirmou que já estão sendo feitos os estudos para a continuidade de mais um trecho da estrada, conforme estava previsto no projeto inicial. O trecho vai da Estrada do Moinho até a Avenida das Torres. “Então, mais uma contribuição do governo com a mobilidade urbana de nossa capital”, frisou.

A previsão é de que o projeto seja finalizado no segundo semestre deste ano. “Praticamente cinco anos depois conseguimos implementar as ações e recursos necessários para que pudéssemos concluir esta importante avenida, chamada Parque do Barbado. Assim como esta, estamos trabalhando em oito obras remanescentes da Copa do Mundo e ainda este mês entregaremos o COT da UFMT. Estamos consertando o nosso Estado com muito trabalho e dedicação”, completou.

A “Parque do Barbado” demorou para ser concluída porque no governo de Silval Barbosa a canalização inicial do Córrego do Barbado precisou ser ampliada. Após, no governo de Pedro Taques, a obra foi judicializada e ficou sem orçamento. Orçada em pouco mais de R$ 29,5 milhões, a obra foi retomada pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT) em abril de 2019 e executada pelo Consórcio Guaxe-Ecomind.

Além da implantação e duplicação da via, também foram realizadas a implantação de galerias no Córrego do Barbado, próximo a Estrada do Moinho, a implantação da rotatória na mesma avenida, sinalização, iluminação e paisagismo. O local tornou-se uma nova opção de lazer, já que foram implantadas ciclofaixas, calçadas com acessibilidade e iluminação eficiente ao longo da via. Inclusive, a população já tem aproveitado o espaço para fazer a tradicional caminhada e corrida no final da tarde.

“As pessoas já estão usufruindo desta obra entregue pelo governo, que além de lazer também traz um importante benefício para a mobilidade urbana de nossa cidade. A Sinfra está trabalhando fortemente em obras que estavam paralisadas e inicia o calendário de 2020 entregando este presente aos cuiabanos, que é a Avenida Parque do Barbado”, frisou o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira.

VLT – O governador Mauro Mendes disse ainda que espera ter uma definição sobre a viabilidade ou não de conclusão das obras do veículo leve sobre trilhos, entre a capital e Várzea Grande, até junho deste ano. A construção do VLT também está judicializada e parada há cinco anos. Já o COT da UFMT, na capital, deve ser entregue ainda neste mês de janeiro.

“Nós, iriamos entregar no fim do ano (2019), mas foi um período de muitas festividades e agendas e não foi possível compatibilizar. E, no dia 28 deste mês, ele está 100% concluído e estamos programando uma grande festa com atletismo, com festividade também, para marcar mais uma entrega da Copa de 2014”, destacou. Quanto ao COT do Pari, em Várzea Grande, ainda não há uma definição sobre a retomada ou não dos trabalhos do centro de treinamento, hoje praticamente todo depredado.

 

 

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Paolo | Terça-Feira, 14 de Janeiro de 2020, 12h09
    0
    1

    Não vai dar 2 meses e o asfalto já vai tá aquela 'belexa'.

  • Renato | Terça-Feira, 14 de Janeiro de 2020, 10h09
    3
    0

    Apesar das dificuldades dos governos passados, finalmente foi entregue essa obra com muita qualidade! A obra realmente ficou muito bonita e a continuidade dela será essencial para a mobilidade urbana da capital! Parabéns ao Gov. Mauro e equipe que vem trabalhando duro para Mato Grosso!

  • moreira | Terça-Feira, 14 de Janeiro de 2020, 09h48
    0
    1

    Ufa, até enfim. Cuiabá precisa urgente de radiais e parece que o governador entendeu isso. Diferentemente do prefeito do paletó que torra dinheiro em viadutos que não vão resolver o problema de Cuiabá, que é construir mais avenidas.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS