18 de Setembro de 2019,

Cidades

A | A

Sexta-Feira, 14 de Junho de 2019, 16h:28 | Atualizado:

TORRES E BEIRA-RIO

Consórcio receberá R$ 30 milhões para construir 2 novos viadutos em Cuiabá

Obras são estratégicas para desafogar trânsito nas regiões

viadutos.jpg

 

Duas importantes obras para a mobilidade urbana da Capital devem ser iniciadas em breve. Isso porque, a Prefeitura de Cuiabá finalizou nesta sexta-feira (14), o processo licitatório para construção de dois viadutos em pontos avaliados como de intenso fluxo.

Por meio do Regime Diferenciado de Contratação (RDC) nº 001/2019, o Consórcio LR foi o escolhido para levantar as estruturas nas vias Manoel José de Arruda (Av. Beira Rio) e Edna Maria Abuquerque Affi (Av. das Torres). A associação empresarial venceu a concorrência pública, do tipo menor preço, apresentando um valor total de R$ 30.333.656,42, divididos em dois lotes. Desta forma, para o Lote 1 o montante aplicado será de R$ 13.992.929,79. Já para o Lote 2 o valor destinado é de R$ 16.340.726,63.

O Município trabalha agora na finalização dos trâmites administrativos, para assinatura do contrato e da ordem de serviço. “A finalização desse processo licitatório é mais uma vitória para nossa população. Cuiabá tem se desenvolvido e o poder público precisa potencializar esse crescimento, com obras que vão melhorar a mobilidade. Para agilizar o início dos trabalhos, já marcamos para a próxima terça-feira (18), o lançamento da obra do viaduto da Avenida das Torres e no dia 25, que também cai em uma terça-feira, faremos o mesmo ato na Beira Rio”, comemorou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Os estudos de viabilidade realizados para a implantação dos viadutos apontam que em ambas as localidades, o fluxo de veículos tem sido cada vez mais crescente, o que resulta em quilômetros de congestionamentos com a espera de mais de 30 minutos, durante o horário de pico. Com as edificações, a Prefeitura pretende alcançar resultados como a redução do tempo de locomoção e aumento das condições de segurança de usuários das vias.

De acordo com a sondagem, a intervenção pontual na Beira Rio deve duplicar a capacidade do cruzamento, atendendo de forma direta 9 mil pessoas por hora/pico e, indiretamente, 145 mil habitantes do entorno. Na Avenida das Torres o número chega a 10 mil de forma direta e 90 mil pessoas indiretamente.

Neste mês, o prefeito Emanuel Pinheiro sancionou o projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal, que garantiu a chegada de R$ 125 milhões, junto à Caixa Econômica Federal (CEF). O recurso será aplicado na construção da Avenida Contorno Leste que, com mais de 17,3 quilômetros, irá beneficiar 421 mil habitantes de 39 bairros das regiões Sul, Leste e Norte.

O contrato de empréstimo ainda será assinado com a instituição financeira e, após essa etapa, o Executivo dará início ao processo licitatório. O certame contará com três lotes, sendo dois para a edificação da avenida e um para levantamento de duas pontes.  O projeto contempla a implantação da rede de drenagem de águas pluviais, pavimentação, meio-fio e calçadas, no trecho que sai do Distrito Industrial chegando até a Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251).

 

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Rogério | Sexta-Feira, 14 de Junho de 2019, 16h46
    4
    0

    Pode aumentar o bolso do paletó, que o dinheiro da campanha está garantido.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS