23 de Maio de 2019,

Artigos

Cidades

A | A

Sexta-Feira, 15 de Março de 2019, 08h:25 | Atualizado:

Deputado pede implantação de base do Ciopaer em Porto Esperidião

O deputado Dr. Gimenez (PV) indicou, na manhã desta quinta-feira (14), ao secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, a implantação de uma base do Centro Integrado de Operações Aéreas (CiopaPAer) no município de Porto Esperidião (321 Km de Cuiabá) e a aquisição de um helicóptero novo, para dar suporte às equipes do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) da Polícia Militar.

Conforme Dr. Gimenez, a implantação da base do CIOPAer trará um importante reforço no combate aos crimes na fronteira, entre eles o tráfico internacional de drogas e armas. “Instalada junto ao batalhão do Gefron em Porto Esperidião, essa base ficará em um ponto estratégico para combater a criminalidade e auxiliar equipes policiais de solo no combate ao crime em terrenos secos e molhados da fronteira Brasil x Bolívia”, afirmou o deputado.

Para embasar e defender a indicação, o parlamentar destacou a implantação do CIOPAer na cidade de Sorriso (400 Km da capital), que atende e auxilia no combate ao crime em 21 municípios num raio de 200 Km do hangar.

“Em sorriso, o projeto deu certo, e na nossa região não será diferente. Com a base implantada, um bom helicóptero e uma equipe especializada, teríamos um tempo de resposta muito mais rápido no combate aos crimes de tráfico, roubo, os crimes ambientais, bem como situações diversas nos 22 municípios da região. A segurança pública de Mato Grosso e a população só tem a ganhar com a implantação dessa unidade militar”, destacou.

SEGUNDA OPÇÃO

Na indicação, o deputado sugeriu ainda uma segunda opção para implantação da nova base do CIOPAer: A cidade de Cáceres (220 Km da capital), onde recentemente Dr. Gimenez indicou que seja implantada uma base da Força Aérea Brasileira (FAB) pelo Ministério da Defesa.

“Assim como Porto Esperidião, Cáceres também tem posição estratégica e favorável para instalação do CIOPAer. Seria um reforço literalmente ‘vindo do céu’ no combate à criminalidade na fronteira Brasil X Bolívia”, concluiu.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS