03 de Abril de 2020,

Cidades

A | A

Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 17h:30 | Atualizado:

Deputado solicita retomada das obras da Escola Técnica de Cáceres

Com mais de 90% das obras concluídas, a Escola Técnica Estadual (ETE) de Cáceres está paralisada desde 2018. Em reunião nesta semana na Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), o deputado estadual Dr. Gimenez (PV) reivindicou a retomada das obras para o atendimento da população da região.

“É um espaço importantíssimo para a capacitação principalmente de jovens para o mercado de trabalho que será intensificado com a abertura da ZPE e a vinda de novas empresas, por isso é vital que a escola esteja em funcionamento”, avaliou o parlamentar que esteve com o secretário Nilton Borgato na segunda-feira (17). 

A entrega dessa Escola Técnica foi anunciada na gestão do governador Pedro Taques, para atender cerca de 2 mil alunos, em um espaço de 5 mil metros quadrados, 12 salas de aula, auditório, biblioteca, ginásio de esportes e área de convivência. Porém, desde então, permaneceu parada. 

“Estamos aguardando com ansiedade o término desse projeto, que beneficiará uma população muito grande de Mato Grosso, pois na região temos 23 municípios e aproximadamente 380 mil habitantes, adultos e jovens que precisam de colocação no mercado de trabalho e isso vai fomentar a economia local”, acrescentou. 

As indicações de investimento na região oeste foram lidas nesta terça-feira (18) pelo deputado Dr. Gimenez durante a sessão, com solicitação ao secretário Borgato e à secretária de Estado de Educação, Marioneide Kliemaschewsk, ressaltando o papel de Cáceres como cidade-polo na formação de mão de obra qualificada. 

O governador do Estado, Mauro Mendes, anunciou que as obras da Zona de Processamento de Exportação (ZPE) de Cáceres serão retomadas no mês de fevereiro e convidou o deputado Dr. Gimenez para participar e acompanhar todo o processo, que exigirá o esforço conjunto das lideranças políticas e empresarias da região oeste para finalmente sair do papel, após 30 anos de espera.

“Uma das nossas necessidades urgentes é por profissionais que possam atender as empresas que aportarem na nossa região. Estou apoiando o secretário estadual César Miranda (Desenvolvimento Econômico) no que for necessário e entendo essa pauta voltada à educação fundamental, não adianta ter vagas de emprego sem pessoas aptas para o trabalho”, finalizou o parlamentar.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS