13 de Dezembro de 2019,

Cidades

A | A

Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019, 11h:52 | Atualizado:

RODOANEL

Estado "divide" edital e licitação de R$ 500 mi será em 2020

Decisão segue orientação do DNIT


TVCA

rodoanel.jpg

 

Foi suspensa a abertura dos envelopes da concorrência pública para construção das obras do Rodoanel de Cuiabá, que estava prevista para essa segunda-feira (18).

A Secretaria Estadual de Infraestrutura (Sinfra) informou que lançou o edital, mas que o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) orientou que a obra fosse feita em dois lotes.

Como a verba para o Rodoanel é federal, o estado tem que seguir a orientação. Por isso, o edital foi suspenso e deve ser republicado no primeiro trimestre do ano que vem.

O processo licitatório foi lançado em outubro deste ano. As obras estão paralisadas há quase uma década.

O trecho a ser retomado será de 51,71 km de extensão, entre Cuiabá e Várzea Grande, cujo valor total estimado é de R$ 497 milhões.

A construtora contratada vai ficar responsável por elaborar o projeto executivo, o projeto básico de engenharia e ainda fique responsável pela execução da obra. Ou seja, uma só empresa ficará responsável por todo o processo.

 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • fernando | Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019, 14h26
    2
    0

    e o que o wilson santos embolsou, nao vai devolver nao é, ficou como se nada tivesse acontecido, e ainda tem a cara de pau de ser candidato e tem trouxa que vota nele por sacolao. o povo tem os gestores que merecem

  • Djuca Paletó | Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019, 11h57
    2
    0

    Chama aquele deputado Wilson Rodoanel para fazer o edital, desse trem ele entende.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS