08 de Agosto de 2020,

Cidades

A | A

Quinta-Feira, 09 de Julho de 2020, 23h:09 | Atualizado:

LAUDOS SUSPEITOS

Família contesta morte de coronel por Covid em hospital de VG

Filha lembra que pai descobriu câncer há cerca de 20 dias


Da Redação

983b9d87bb4c769e0b468da9b7b790fb.jpg

 

A filha do coronel da reserva Nildo Deonizio Elias, que faleceu na manhã desta quinta-feira (9) no Hospital Metropolitano de Várzea Grande, relatou que o pai morreu em decorrência a um câncer de intestino e não por causa do coronavírus. Segundo Patrícia Fernanda de Arruda Elias, seu pai havia sido diagnosticado com a enfermidade há cerca de 20 dias.

Ela relatou que o pai deu entrada em uma unidade médica com o apêndice estourado e devido a uma cirurgiae  a doença foi descoberta. O coronel realizou cerca de quatro cirurgias antes de falecer.

"Não foi a Covid que matou ele. Foi o câncer. Desde o teste rápido, ele vem tratando desse câncer e os médicos disseram que o Covid dele estava estável", disse.

A filha contou que Nildo havia realizado o teste rápido do coronavírus, que deu negativo. No entanto, durante uma segunda cirurgia devido ao agravamento do seu quadro de saúde, foi diagnosticado a Covid-19.

"E de lá pra cá veio agravando o estado dele e ai quando foram fazer a segunda cirurgia fizeram um teste rápido e deu positivo. O teste rápido é totalmente inconfiável", contou.

Conforme seu relato ao FOLHAMAX, a Secretaria Municipal de Saúde não deu nenhum parecer sobre o motivo pelo qual o motivo da morte do coronel consta como coronavírus. Em seguida, ela disse ainda que o hospital deverá emitir um novo laudo médico, mudando a causa do falecimento.

Após apresentar os sintomas, Nildo conseguiu um leito na Unidade de terapia intensiva (UTI) somente após uma liminar da Justiça. Patrícia disse que a família segue arrasada com a perda de seu familiar e que ainda não foi informado se o sepultamento do coronel Nildo será com o caixão fechado. "Estamos indignados com falta de comprometimento com a verdade. Não sabemos ainda se o caixão será fechado", pontuou.

Galeria de Fotos



Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Patrícia Fernanda | Segunda-Feira, 20 de Julho de 2020, 12h46
    0
    0

    É uma questão fundamentada levantada por mim que sou a filha, diz isso quando vc passar pelos mesmo atendimento que tivemos, pelo mesmo teste de PCR CoVid feito pelo governo e de resultado negativo, DE CORAÇÃO desejo que nenhum filho e nenhum ser humano sofra o que eu sofri e passe pelo que passei...

  • RAUL | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 17h57
    3
    1

    Gente vamos parar de ficar falando que hospital e o governo estadual e municipal ganha por cada morte de covid19, isso e de uma burrice tao grande que as vezes nao acredito realmente que a pessoa esta acreditando nesta asneira, ou esta espalhando este fake news apenas para fazer as pessoas desacreditarem na seriedade da doença... procura na propria internet, no google gente sobre isso, tem varios sites desmentindo isso, o proprio governo federal ja desmentiu isso, o próprio ministério da saúde ja desmentiu isso, eu sei que voces que fazem parte desta seita deste presidente burro, e com os filhos ladrao que ficam espalhando isso, porem raciocinem um pouco: quem criou este critério, o governo federal? entao Bolsonaro esta incentivando os governos estaduais e municipais a mentirem que o cara morreu de covid19? seria isso? nao tem logica chega a ser besta esta historia, e tem bestao que acredita nisso, cara faz assim, acredita em erro medico, negligencia, preguica de fazer um atestado de obito mais apurado, mas nao acredita nesta historinha nao.... para de burrice

  • Coveiro | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 13h28
    0
    0

    Bom que agora já sabemos, ou morremos de acidente, tiro, facada ou Covid.

  • André Toledo | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 10h25
    3
    6

    É complicado. Mas dizem q por casa causa mortis por COVID é pago R$70.000,00 reais. Só Deus pra fazer a justiça com esse desmande total.

  • zumbi | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 10h23
    4
    7

    É simples , façam o velórios e enterro como de costumes , se contaminarem vão ver que era verdade o laudo , se não contaminarem colocam o hospital na justiça.

  • MARIA TAQUARA | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 10h06
    2
    1

    A questão é, sem a COVID, o cancer por si só seria suficiente para a morte? Para mim está aí o mal do COVID, não na agressividade da doença que manifesta, mas na deterioração dos doentes cardiovasculares, oncológicos e outros Por fim, concordo com o Raul também, é uma discussão sem fundamentos a levantada pela filha. Acenda umas velas para alma do xomano, que esteja em paz!

  • alexandre | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 10h00
    6
    3

    Tudo agora, é Covid...

  • RAUL | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 08h10
    9
    5

    E VAI RESOLVER O QUE? SE ELE TINHA 03 CAUSAS MORTIS? CANCER; A CIRURGIA E O COVID19, QUEM MATOU OU NAO MATOU? NAO VAI FAZER O CARA VIVER, DEIXA A ALMA DO CARA DESCANSAR EM PAZ, DISCURSAO BESTA E ESSA...

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS