31 de Março de 2020,

Artigos

Cidades

A | A

Quarta-Feira, 22 de Outubro de 2014, 18h:47 | Atualizado:

Feriado do servidor será adiado para dia 31; evento do Gaeco é mantido

O procurador-geral de Justiça adjunto, Hélio Fredolino Faust, revogou a Portaria nº 484/2014, que antecipava o feriado do dia 28 de outubro para o dia 27. A decisão levou em consideração o ato expedido pelo Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso que transferiu o ponto facultativo em homenagem ao Dia do Servidor Público para 31 de outubro (sexta-feira). 

A portaria nº 507/2014 – PGJ, com a prorrogação do feriado foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), desta quarta-feira (22.10). A mudança acatou solicitação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), em razão do segundo turno das eleições que acontece neste domingo (26 de outubro). 

CAPACITAÇÃO GAECO 

Mesmo com a publicação da portaria que adia o ponto facultativo em comemoração ao dia do servidor, a programação do curso de capacitação sobre 'Investigação e Inteligência Ministerial', será mantida na íntegra. O encontro será realizado no auditório da Procuradoria Geral de Justiça, nos dias 30 e 31 de outubro, sob a coordenação do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), em Cuiabá. 

Dois renomados promotores de Justiça em atuação nos Estados de Minas Gerais e São Paulo serão os responsáveis pelos conteúdos do evento. 

No dia 30, a abertura está prevista para às 19h. O palestrante convidado, Fábio Galindo Silvestre é promotor de Justiça em Belo Horizonte (MG) com atuação no Centro de Apoio e Combate aos Crimes Financeiros e Lavagem de Dinheiro. Ele abordará a temática sobre “as atividades de inteligência do Ministério Público no cenário nacional: avanços ou retrocessos?”. 

Já no dia 31, a partir das 08h30 até 11h30, o promotor de Justiça, Fábio Galindo Silvestre prossegue os trabalhos com a exposição do tema “Investigação e Inteligência em Ação: Análise de Casos”. 

No período vespertino, das 14h às 17h, a temática abordará “Ações de Inteligência Interagência” e será ministrada pelo promotor de Justiça em São Paulo (SP), Fábio Ramazzini Bechara. 

 

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS