08 de Dezembro de 2019,

Cidades

A | A

Quarta-Feira, 11 de Setembro de 2019, 09h:40 | Atualizado:

BILHETES INTIMIDADORES

Jornalista em MT denuncia ameaça: "balas perdidas podem acertar"

Leandro Lima acredita que ameaça surgiu após reportagens contra prefeitos na região Norte


Da Redação

leandrolima.jpg

 

O jornalista Leandro Lima do Nascimento, 31, foi vítima de ameaças feitas com um bilhete cheio de frases dizendo para ele tomar cuidado com a própria vida, disparos de armas de fogo, acidentes e até quanto ao aparecimento de drogas em seu Fiat Uno.

O rapaz diz que não tem ideia de quem seria o autor, mas nas últimas semanas foram divulgadas algumas notícias relacionadas às desapropriações realizadas pela Prefeitura de Matupá e sobre maquinários da prefeitura de Guarantã do Norte fazendo estradas em áreas privadas do Pará.

De acordo com o narrado no boletim de ocorrência, tudo começou na noite de domingo (8), quando o profissional trabalhava no Parque de Vaquejada J. Lima, em Peixoto de Azevedo (distante 680 quilômetros da Capital). Ele voltava pro seu carro e viu um papel no limpador de para-brisas com frases como a lembrança que mortes ocorrem todos os dias, balas perdidas podem acertar alguém e para ele tomar cuidado com as matérias divulgadas no site “insignificante” dele.

“Senhor jornalista, segue um conselho, acidentes acontecem todos os dias, drogas podem aparecer misteriosamente dentro de veículos, balas perdidas podem acertas alguém. Fique esperto, mortes ocorrem todos os dias, então, tome cuidado com as matérias que você divulga no seu site insignificante. Avisa quem amigo é. Um forte abraço”, é a íntegra do papel impresso deixado no Fiat Uno do jornalista.

O caso está sob investigação da Polícia Judiciária Civil.

 

Galeria de Fotos

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • nilson james de feritas | Quarta-Feira, 11 de Setembro de 2019, 14h06
    0
    0

    CADE A LIBERDADE DE IMPRENSA??? UMA AMEÇA DESSA PORQUE O JORNALISTA TEM UM SITE "INSIGNIFICANTE"..IMAGINA SE FOSSE UM SITE GRANDE.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS