26 de Fevereiro de 2020,

Cidades

A | A

Terça-Feira, 02 de Dezembro de 2014, 09h:07 | Atualizado:

MT prorroga campanha de vacinação contra sarampo e poliomielite

A Campanha Nacional de Vacinação contra poliomielite e sarampo foi prorrogada em Mato Grosso até o dia 31 de dezembro.

A Secretaria de Estado de Saúde prorrogou a campanha para permitir que seja atingida a meta de 95% de vacinação nas crianças nos municípios matogrossenses.

Já foram imunizadas 138.526 crianças contra o sarampo, o que representa 69,28% da meta estabelecida de 199.962 crianças. Contra a poliomielite já foram vacinadas 170.416, o que representa cobertura vacinal de 75,5% de 225.624 crianças a serem vacinadas.

Crianças entre 6 meses e 5 anos de idade incompletos devem ser vacinadas contra a poliomielite. Já a vacinação contra o sarampo tem como público-alvo crianças com idade entre 1 e 5 anos incompletos.

Várzea Grande vacinou contra o sarampo 8.434 crianças de uma meta de 17.350, atingindo percentual de 48,61%. Contra a poliomielite vacinou 15.475 crianças, representando 78,18% de uma meta de 19.793 crianças para serem vacinadas.

Os pais e responsáveis poderão levar as crianças nas unidades de saúde de Várzea Grande, de segunda a sexta-feira, das 07 às 11h e das 13h às 17h. As vacinas contra poliomielite e contra sarampo são aplicadas em conjunto desde 2011.

SAIBA MAIS SOBRE AS DOENÇAS

Alergia - Para as crianças com alergia ao leite de vaca, a vacinação ocorrerá posteriormente contra o sarampo. O Ministério da alerta para o produto fornecido pelo laboratório Serum Institutte of India Ltda. A iniciativa é uma medida de precaução, devido à presença do componente lactoalbumina hidrolisada nas doses fornecidas pelo laboratório. 

Para garantir a vacinação correta, os pais ou responsáveis que levarem as crianças aos postos de saúde serão questionados sobre uma possível alergia ao leite de vaca. Caso a criança não tenha registro prévio de alergia, ela receberá a dose normalmente. 

Poliomielite - A poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave e a única forma de prevenção é por meio da vacinação. Na maioria dos casos, a criança não vai a óbito quando infectada, mas adquire sérias lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia irreversível, principalmente nos membros inferiores. A doença é causada pelo poliovírus e a infecção se dá, principalmente, por via oral. 

Sarampo - O sarampo é uma doença viral aguda grave e altamente contagiosa. Os sintomas mais comuns são febre alta, tosse, manchas avermelhadas, coriza e conjuntivite. A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de secreções expelidas pelo doente ao tossir, falar ou respirar. As complicações infecciosas contribuem para a gravidade do sarampo, particularmente em crianças desnutridas e menores de um ano de idade. A única forma de prevenção também é por meio da vacina.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS