26 de Fevereiro de 2020,

Cidades

A | A

Quarta-Feira, 15 de Outubro de 2014, 09h:08 | Atualizado:

Projeto prevê presença de psicopedagogos nas escolas

O projeto que cobra a presença de psicopedagogos nas escolas municipais, de autoria do Vereador Mário Nadaf, tem como principal finalidade reduzir o numero de crianças com queixas de dificuldade para aprender.

Para Nadaf, que também é professor, problemas como dislexia, defasagem no aprendizado e até a desmotivação, que muitas vezes incentivam a desistência dos alunos em frequentar as aulas, podem ser sanadas com a presença desses profissionais nas escolas do município.

"Hoje transtornos de leitura, déficit de atenção e até hiperativimos não são tratados adequadamente por ausência desses profissionais ”, retrata Nadaf.

Outro ponto importante para implantação do projeto será a regulamentação da profissão, permitindo ingressar no processo de cargos e carreiras, incentivando os próprios professores da rede pública a se especializarem nesta área.

Segundo a Professora Ângela Cristina Munhoz Maluf, Membra Titular da associação Brasileira de Psicopedagogia _ ABPp e Coordenadora do Grupo de Estudo de Psicopedagogia do Estado de GEPpMT - hoje em Cuiabá e Várzea Grande existem mais de 650 profissionais atuando em áreas diversificada, caso haja a regulamentação tais profissionais poderiam ser reconduzidos para as escolas.

"O psicopedagogo vai atuar na mediação de conflitos e no encaminhamento de problemas de aprendizagem que envolve a articulação com a família e o acompanhamento do estudante em seu ambiente social e na valorização do profissional", pontua o parlamentar aguarda um parecer favorável a respeito do projeto

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS