Cidades Segunda-Feira, 27 de Maio de 2019, 16h:50 | Atualizado:

Segunda-Feira, 27 de Maio de 2019, 16h:50 | Atualizado:

Notícia

Ribeirinhos recebem atendimento em Cáceres

 

Da Redação

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

Luciene José da Silva tem 45 anos e há 17 mora na comunidade de “Carne Seca”, em Cáceres. No sábado passado, ela conseguiu uma consulta médica para ela e sua filha. Ambas estavam com um quadro de gripe. A consulta foi realizada no barco de assistência hospitalar Tenente Maximiano, da Marinha, que durante quatro dias percorreu a região com dois médicos e um dentista.

Ana Aparecida da Mota Lemes é outra moradora da região que aproveitou a visita do navio para fazer uma consulta ao dentista. Com 36 anos, conta que é muito difícil o deslocamento até a cidade para tentar uma consulta com esse tipo de profissional.

O navio Tenente Maximiano integra o projeto “Ribeirinho Cidadão”, promovido pelo Poder Judiciário de Mato Grosso e inúmeros parceiros. No período de cheias no pantanal, esse projeto – que já está em sua 12ª edição – leva atendimento médico, judicial e de cidadania, além de educação ambiental a comunidades ribeirinhas que estão no pantanal e não têm como acessar esses serviços tendo em vista a precariedade das estradas, que ficam quase que submersas durante alguns meses.

O senador Wellington Fagundes acompanhou a visita do navio Tenente Maximiano e reforçou a importância de levar atendimento médico e odontológico a populações que passam boa parte do ano isoladas pelas chuvas e a precariedade das estradas. ‘Esse tipo de projeto deve ser ampliado e contar com o apoio de todos”, disse.

Ainda em Cáceres, o senador se reuniu com prefeitos da região para discutir a promoção do desenvolvimento integrado do Oeste de Mato Grosso. Os projetos incluem a retomada das obras da Zona de Processamento de Exportação, o incremento da Hidrovia Paraguai/Paraná, a integração das forças de segurança no combate ao narcotráfico e contrabando na fronteira, além de investimentos em rodovias como a BR-174 e BR-080.





Postar um novo comentário





Comentários

Comente esta notícia






Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet