27 de Maio de 2020,

Cidades

A | A

Quinta-Feira, 09 de Abril de 2020, 18h:19 | Atualizado:

AVENIDA DAS TORRES

Viaduto começa ganhar forma em Cuiabá

viaduto-vigas.jpg

 

A construção do viaduto José Maria Barbosa — Juca do Guaraná “Pai”, na Avenida Edna Maria Albuquerque Affi (Av. das Torres), começou a receber nesta semana o lançamento das primeiras vigas de concreto. Ao todo, o elevado contará com 64 dessas estruturas instaladas ao longo dos seus 200 metros de extensão. A Prefeitura de Cuiabá investe R$ 16.340.726,63 na obra.

No local, já foram superadas as etapas de meso e infraestrutura, que compreendem a fundação das estacas raízes, concretagem das bases, levantamento dos pilares de sustentação e dos pórticos. Conforme o cronograma da Secretaria de Obras Públicas, após a fixação das vigas, o trabalho seguirá para o estágio de colocação da pré-laje. 

“Estávamos aguardando a remoção da linha de transmissão de energia para dar início ao içamento das vigas. A obra tem evoluído com a qualidade e agilidade que planejamos. Sabemos que é uma estrutura que irá impactar positivamente na vida de milhares de cuiabanos. Por isso não poupamos esforços para fazer esse projeto se materializar”, comenta o secretário de Obras Públicas, Vanderlúcio Rodrigues. 

A edificação leva o nome do ex-vereador por Cuiabá, José Maria Barbosa — Juca do Guaraná (Pai). Falecido em julho de 2018, Juca fez um mandato marcante na Câmara Municipal, na legislatura de 2008 a 2012. Em sua passagem pela política, prestou grande colaboração para o desenvolvimento do município, principalmente com ações voltadas para a área social. Além da trajetória política, também teve atuação destacada no campo comercial.

VIADUTO MURILO DOMINGOS

A Avenida Manoel José de Arruda (Beira Rio) também constará com uma estrutura semelhante. Neste momento, a obra no local se encontra na fase de perfuração e fundação das estacas raízes. Segundo a Secretaria, das 96 estacas previstas no projeto 92 já foram concluídas. Para este elevado, o investimento é de R$ 13.992.929,79.

O viaduto é batizado de Murilo Domingo em homenagem ao ex-prefeito de Várzea Grande e ex-deputado federal por Mato Grosso, falecido aos 78 anos. Além da atuação política e comercial, exerceu um fundamental papel no campo ambiental. Murilo foi uma das primeiras lideranças políticas a levantar discussões e a promover ações concretas de preservação do Rio Cuiabá, como a soltura de mais de 5 milhões de filhotes de peixes.

 

Galeria de Fotos

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • cuiabano proibido de trabalhar | Quinta-Feira, 09 de Abril de 2020, 22h23
    1
    2

    o que não entende e que a prefeitura proíbe todas as empresas de trabalharem, exceto as empreiteiras e seus funcionários que trabalharam nesses viadutos. Ou eles são imunes a doenças ou as obras tem que serem entregas antes das eleições???? com a palavra a justiça

  • Moreira | Quinta-Feira, 09 de Abril de 2020, 22h06
    1
    1

    Paletó superfaturando tudo que dá

  • Cuiabano | Quinta-Feira, 09 de Abril de 2020, 20h08
    3
    2

    A 500 metros dali a av machado de assis, principal do santa cruz e que serve de ligacao entre a av moinho e a das torres ta em frangalhos cheia de buraco.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS