28 de Março de 2020,

Cultura

A | A

Terça-Feira, 10 de Fevereiro de 2015, 17h:11 | Atualizado:

Orquestra do Estado de Mato Grosso lança Temporada 2015

A nova temporada da Orquestra do Estado de Mato Grosso, sob a direção artística e regência principal do maestro Leandro Carvalho, apresenta novidades em suas três principais séries de concertos: Oficiais, Didáticos e Populares. 

Na série de Concertos Oficiais, realizada regularmente no Cine Teatro Cuiabá, a OEMT continuará trazendo a Mato Grosso grandes solistas convidados para a apresentação de repertórios diversificados. A Temporada 2015 abre no final de fevereiro com um grande nome da música brasileira, o bandolinista Hamilton de Holanda, num repertório especialmente construído para a ocasião, todo arranjado pelo mestre Vittor Santos, e que também será eternizado em forma de gravação. 

Em maio, mais uma reverência à história de Mato Grosso com a estreia de uma nova composição de Danilo Guanais, dessa vez dedicada a Marechal Cândido Rondon, na ocasião das comemorações de seu 150° aniversário. Em junho, um novo espetáculo unindo música e artes cênicas, desta vez “A Farsa da Boa Preguiça”, peça de Ariano Suassuna, entremeada de música armorial, escrita por seus principais representantes e adaptada pelo maestro Leandro Carvalho em parceria com o diretor de teatro, Sandro Lucose. 

Em setembro, Spok Quinteto apresenta um espetáculo que conta a história de um dos mais ricos gêneros musicais brasileiros, o frevo. “O grande saxofonista e arranjador Spok está num momento especial de sua carreira, fazendo turnês em todo o mundo com sua incrível ‘Spok Frevo Orquestra’, sendo reverenciado pelos principais jornais e críticos musicais do mundo, como o New York Times e outros”, aponta Leandro Carvalho. 

Em outubro, a Orquestra de Mato Grosso recebe um dos grandes gaitistas do mundo, o italiano Gianlucca Litterra para concertos e gravações. Na ocasião, a estreia de um concerto para harmônica (gaita) e orquestra encomendado pela OEMT ao mestre André Mehmari. Para fechar a série de Concertos Oficiais, no mês de novembro, mais uma aventura musical, desta vez com a banda Vanguart, numa visão completamente única (e ousada) da obra de Raul Seixas. 

Concertos Populares 

Desde sua criação, em 2005, a Orquestra do Estado de Mato Grosso, sob a regência do maestro Leandro Carvalho, já realizou mais de 230 Concertos Populares em mais de 150 cidades de 23 estados brasileiros. 

Em 2015 a OEMT volta a se apresentar em praças públicas e locais de fácil acesso. A série de Concertos Populares 2015 chega a oito cidades de Mato Grosso. A Orquestra do Estado de Mato Grosso, sob regência do Maestro Leandro Carvalho, acompanhada por ninguém menos que o grande Renato Teixeira ganha a estrada para mais uma turnê. Com Renato Teixeira, a OEMT gravará um documentário especial, revelando as riquezas e particularidades de Mato Grosso. O repertório das apresentações será especialíssimo, incluindo clássicos de autoria de Renato Teixeira como Romaria, Tocando em frente e Amora, e composições ligadas a Mato Grosso em forma de homenagem ou referência. Este encontro também será eternizado em CD e disponibilizado para todo o Brasil. “Mais uma vez, de forma criativa e ousada, a Orquestra elaborou novos arranjos para a singular combinação entre instrumentos eruditos e regionais como a viola de cocho, o mocho e o ganzá, consolidando uma sonoridade única”, explica Leandro Carvalho. 

De 22 de abril a 02 de maio, os Concertos Populares 2015 chegam a Sinop, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Tangará da Serra, Cuiabá, Rondonópolis e Primavera do Leste. 

Concertos Didáticos 

Há quase uma década, a série de Concertos Didáticos da Orquestra do Estado de Mato Grosso dedica-se à formação de novas plateias para a música de concerto. Estudantes de todas as idades encontram nos concertos da OEMT a primeira oportunidade de contato com esse rico universo. 

Uma das principais características dos Concertos Didáticos é que a cada temporada um novo tema é escolhido para nortear a série. Este ano, no mês de junho, a Orquestra do Estado de Mato Grosso exibirá a estudantes e professores de 20 instituições de ensino o espetáculo “A Farsa da Boa Preguiça”, de Ariano Suassuna, numa adaptação escrita por Leandro Carvalho e Sandro Lucose, em que a música dos compositores do Movimento Armorial dialoga com as artes cênicas. 

No espetáculo, o poeta popular Joaquim Simão se vê em meio a dilemas que externam três de suas principais fraquezas: preguiça, poesia e mulher. Ele é casado com a bela Nevinha, mulher humilde e dedicada, e seu relacionamento vê-se ameaçado pelas tentações de pessoas inescrupulosas a sua volta. “É uma estória mágica e engraçada que pretende capturar o público jovem e com isso abrir espaço para a abordagem de diversos assuntos em sala de aula. A cada ano, buscamos temas ricos e transversais, que abram múltiplas possibilidades para professores de diversas disciplinas, fazendo com que a arte contribua para o cotidiano escolar e preste efetivamente um serviço para a educação”, adianta Leandro Carvalho. 

Gravações 

Dos repertórios que serão apresentados em 2015, a Orquestra gravará cinco deles, além de um documentário que retratará as nuances da turnê dos Concertos Populares, que realizará em maio junto a Renato Teixeira, em oito cidades de Mato Grosso. 

Investir em sua discografia tem sido uma das mais relevantes características da Orquestra de Mato Grosso nos últimos anos. Até hoje, a OEMT já gravou dez discos e lançou oito deles, todos relevantes para a música brasileira, com peças e arranjos inéditos, encomendados a grandes nomes da música brasileira. 

Na semana passada, a OEMT, sob regência do maestro Leandro Carvalho, lançou o disco Concerto de Fronteira, gravado ano passado em Cuiabá com Yamandu Costa. O disco foi exibido na íntegra no teatro Paulo Autran, Sesc Pinheiros, em São Paulo. 

Visite o site da OEMT (www.orquestra.mt.gov.br) e confira a programação detalhada da Temporada 2015.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS