07 de Dezembro de 2019,

Cultura

A | A

Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018, 11h:01 | Atualizado:

Professor propõe Kuarup como patrimônio imaterial

O professor e deputado Allan Kardec (PDT) apresentou projeto de lei para tornar patrimônio cultural imaterial do Estado o Kuarup, cerimônia indígena de despedida dos mortos e encerramento do período de luto. O objetivo da proposta é incentivar a preservação da tradição.

O projeto de número 231/2018 foi apresentado no dia 31 de julho e seguirá para análise das comissões. Allan apresentou a proposta depois de visitar aldeias do Alto Xingu, conhecidas internacionalmente pela cerimônia do Kuarup.

“Esse ritual é um grande símbolo não só da cultura indígena, mas também brasileira. Deve ser cada vez mais preservado”, afirma Allan. Se o projeto for aprovado, o evento poderá receber inclusive apoio financeiro do poder público, que tem obrigação constitucional de zelar pela preservação de seus bens materiais e imateriais.

O Kuarup é realizado por 10 etnias diferentes. Inicialmente, a cerimônia teria sido feita com objetivo de trazer os mortos à vida novamente. Atualmente, é mais um ritual de despedida dos mortos que tiveram destaque nas comunidades indígenas.

“Em visita ao Xingu, pude perceber que a cerimônia é mais uma forma de despedida com alegria dos mortos do que uma lamentação. É um jeito de superar a morte pela vida em comunidade”, completa Allan.

 

 

 

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS