Curiosidades Sábado, 22 de Junho de 2024, 12h:00 | Atualizado:

Sábado, 22 de Junho de 2024, 12h:00 | Atualizado:

BAIXO NÍVEL

Funkeiro e filho de ator saem no tapa após provocações

 

METRÓPOLES

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

BOLREL.jpg

 

Nego do Borel e o influenciador digital Luiz Otávio Mesquita trocaram provocações nas mídias sociais. Entretanto, eles quase chegaram às vias de fato quando, segundo o cantor, o filho do apresentador Otávio Mesquita apareceu em um restaurante e lhe deu um tapa no rosto. Após o fato, o ex-A Fazenda foi à delegacia para registrar um boletim de ocorrência.

Anteriormente, no entanto, os dois haviam gravado diversos vídeos para o Instagram instigando um embate físico. Vale lembrar que eles também participaram do Fight Music Show (FMS), mas em lutas com oponentes diferentes. Enquanto Nego do Borel foi nocauteado pelo funkeiro MC Gui, Mesquita derrotou Thomaz Costa por decisão unânime e, após a vitória, desafiou o cantor para lutar no evento.

A primeira publicação feita no feed foi uma provocação de Luiz Otávio Mesquita, que compartilhou uma matéria que tratava da acusação de agressão por Nego do Borel contra uma ex-namorada. Sem aceitar o acinte, o cantor começou a publicar vídeos do mesmo tipo e chamou o rival para um sparring (modalidade de treinos comum em lutas) em uma academia, mas sem filmar.

As farpas continuaram, mas com xingamentos. Em um restaurante de São Paulo, Borel desafiou Mesquita a ir até o estabelecimento, e o influenciador apareceu. Os dois começaram a discutir e trocar ofensas cara a cara. A situação ficou feia, segundo Luiz Otávio, quando o cantor disse que ele era “chato como o pai [Otávio Mesquita]”.

Nesse momento, o “sangue subiu à cabeça”, de acordo com o influenciador, que deu um tapa no rosto de Nego do Borel. Um grupo de pessoas que acompanhava a cena separou os dois, mas a situação repercutiu nas redes.

Nego do Borel disse que conversou com advogados e que foi orientado a ir a uma delegacia registrar boletim de ocorrência contra Mesquita por agressão. Mesmo assim, depois, não deixou de fazer ameaças e dizer que iria atrás do influenciador

Mesquita também se pronunciou e disse que advogados recomendaram a ele gravar um vídeo para explicar a história. Em publicação no Instagram, Luiz Otávio reforçou que tudo começou durante o FMS, quando Borel instigou Thomaz Costa a empurrá-lo, e afirmou que “nunca engoliu a história”.





Postar um novo comentário





Comentários (1)

  • Roberto

    Sábado, 22 de Junho de 2024, 13h58
  • Aí! Uma tapa! Quase rolou em beijo! Quando é a luta lgbtqia+ ????
    2
    0









Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet