21 de Novembro de 2019,

Economia

A | A

Domingo, 16 de Fevereiro de 2014, 05h:14 | Atualizado:

Atleticanos apoiam Tinga e cogitam cantar nome do atleta em clássico

 

O episódio de racismo envolvendo torcedores do Real Garcilasom do Peru, e o volante Tinga, do Cruzeiro, segue em evidência. Na véspera do principal clássico de Minas Gerais, parte da torcida do Atlético-MG, mandante do confronto deste domingo, divulgou uma imagem de apoio ao jogador rival e pediu para que aqueles que forem ao Estádio Independência gritem o nome de Tinga.

Compartilhado em redes sociais, o cartaz tem as cores preta e branca, como na camisa do clube, e a frase: ‘"Aqui no Galo o preto e o branco andam juntos"’. As hashtags #racismonão, #aquiégalo e #fechadocomotinga também aparecem na imagem.

 

Embora uma parcela da torcida tencione homenagear o meio-campista, outros atleticanos são contra a manifestação. Membros da Embaixadores do Galo divulgaram uma nota, negando que apoiam o fato.

 

"“Os Embaixadores do Galo vêm a público informar que não prestarão qualquer manifestação em prol do jogador adversário durante a partida no domingo, já que a história do Clube Atlético Mineiro, assim como da torcida, sempre primou pela luta contra o racismo e a igualdade dos povos. A torcida atleticana não precisa média com jogador adversário, embora seja contra qualquer tipo de preconceito. Aqui, o preto e o branco caminham juntos desde 1908”".

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS