08 de Abril de 2020,

Economia

A | A

Quinta-Feira, 26 de Março de 2020, 11h:22 | Atualizado:

Banco faz leilão de imóveis em MT

Os leilões oferecidos pelos bancos têm sido uma solução para liquidar as carteiras de imóveis, crescentes com a inadimplência, além de uma oportunidade para compradores finais e investidores adquirirem propriedades a taxas cada vez mais baixas. Pensando nisso, o banco Santander promove, por meio da Sold, a venda de mais de 50 imóveis até o dia 16 de abril, com valores até 56% abaixo das avaliações iniciais de mercado.

As unidades estão disponíveis nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, Mato Grosso, Ceará, Goiás, e Pernambuco.

Entre os destaques, está uma sala comercial desocupada, com 38 metros quadrados de área construída e vaga na garagem. A oportunidade fica no município de Marília, em São Paulo, e pode ser arrematada com lance inicial a partir de R$ 164 mil. Já na Chácara Santo Antônio, Zona Sul de São Paulo, outra sala comercial, com 122 metros quadrados de área total, está com lance inicial de R$ 458.880.

Ainda no Sudeste, no Rio de Janeiro, as oportunidades estão na capital do Estado. Há opções entre R$ 74 mil (o menor de todo o leilão) e R$ 634 mil. Em Cascadura, na Zona Norte, uma sala comercial desocupada, com 22 metros quadrados de área total, recebe arremates a partir de R$ 90 mil. Já no bairro da Freguesia de Jacarepaguá, com lance inicial de R$ 172.900 mil é possível adquirir uma sala comercial desocupada, com 34 metros quadrados de área útil.

Na Região Sul, uma sala comercial em Curitiba (PR) está recebendo lances a partir de R$ 139.264 mil. O imóvel tem 32 metros quadrados de área construída.

O leilão do banco ainda oferece oportunidades para o arremate de prédios onde funcionavam agências bancárias. Ao todo, são três unidades. Em São Paulo, um prédio desocupado, no município de São Miguel Arcanjo, com 919 metros quadrados de área construída, tem valor inicial de R$ 940 mil. Já em Recife (PE), na Região Nordeste, um prédio comercial com 4.196 mil metros quadrados de área construída, onde funcionava uma antiga agência bancária em Boa Vista, pode ser arrematado por R$4.454.400 milhões.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS