09 de Dezembro de 2019,

Economia

A | A

Sábado, 16 de Novembro de 2019, 23h:30 | Atualizado:

Maia diz que tentará votar reforma tributária em plenário até março

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou neste sábado (16) que a reforma tributária pode ser votada em março no plenário da Casa. Maia ainda não tinha citado prazos para a análise da proposta.

"A nossa intenção é trabalhar esses dois meses [novembro e dezembro], ter o texto pronto até o final do ano e, assim que o Congresso seja reaberto, que a gente possa votar na comissão, e até março no plenário", afirmou.

A declaração foi dada a jornalistas em Nova York, onde Maia recebeu o prêmio Woodrow Wilson de Serviço Público. Questionado sobre se há "clima" no Congresso para a aprovação de mudanças nos impostos, Maia argumentou que a reforma tributária "nasceu" na Câmara e no Senado, o que facilitaria o avanço da medida no cronograma estabelecido.

"Então, há um comprometimento maior, maior responsabilidade dos parlamentares no texto que foi criado pela Casa, isso facilita a tramitação", disse.

Atualmente, a Câmara e o Senado discutem propostas diferentes de reforma tributária (saiba aqui quais são). O governo chegou a dizer que apresentaria uma proposta própria, o que ainda não ocorreu. A ideia é que as duas Casas e o governo consigam criar um texto comum.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS