21 de Julho de 2019,

Economia

A | A

Sexta-Feira, 11 de Janeiro de 2019, 23h:30 | Atualizado:

TRT/MT é o quarto regional trabalhista mais transparente em ranking do CNJ

O TRT de Mato Grosso ocupa a 4ª colocação entre 23 tribunais trabalhistas e a 19º entre os 94 órgãos do Judiciário quando o assunto é transparência. Os dados são do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e estão disponíveis em ranking no Ranking da Transparência do Poder Judiciário, site criado Resolução 260/2018 do CNJ.

Entre os critérios avaliados na hora de montar o ranking estavam pontos como a apresentação das informações à sociedade, a quantidade dos dados disponibilizados, se eles estão disponíveis estão em formato aberto, de forma acessível e clara, entre outros.

Conforme o presidente do CNJ, ministro Dias Toffoli, “trata-se de uma prestação de contas ao cidadão brasileiro, demonstrando-se em quê, como e onde estamos investindo o recurso público. “É também um meio de impulsionar uma forma mais eficiente de acesso aos dados. Dessa maneira, desmitificamos a figura do Judiciário dito intocável e desconhecido”.

O primeiro lugar geral no ranking é ocupado hoje pelo TRE do Pará. O Tribunal alcançou o índice de 89% de cumprimento dos critérios auferidos.

Já entre as cortes trabalhistas, a colocação mais alta ficou com o TRT do Rio Grande do Sul, que obteve o índice de 80,41%. A nota obtida pelo TRT mato-grossense foi de 70,95%.

O Ranking da Transparência do Poder Judiciário é atualizado semestralmente.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS