22 de Outubro de 2019,

Economia

A | A

Quarta-Feira, 09 de Outubro de 2019, 23h:26 | Atualizado:

Veja os deputados que assinaram o requerimento de abertura da 'CPI da Energisa'


Gazeta Digital

O  teve acesso ao requerimento que pediu a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar o possível aumento abusivo nas contas de energia dos consumidores de Mato Grosso.

O requerimento foi entregue à mesa diretora com 19 assinaturas, 11 a mais do que o mínimo que prevê o Regimento Iinterno para abertura de uma investigação no Parlamento Mato-grossense. 

A abertura da CPI foi proposta por Elizeu Nascimento (DC) e assinado por Valdir Barranco (PT), Wilson Santos (PSDB), Paulo Araújo (Progressistas),  Xuxu Dal Molin (PSC), João Batista (PROS), Dr. João (MDB), Oscar Bezerra (PV), Delegado Claudinei (PSL), Lúdio Cabral (PT), Eduardo Botelho (DEM), Max Russi (PSB), Dilmar Dal Bosco (DEM), Dr. Gimenez (PV), DR. Doutor Eugênio (PSB), Romoaldo Junior (MDB), Silvio Fávero (PSL) e Thiago Silva (MDB). 

Não assinaram o requerimento os deputados Valmir Moreto (Republicanos), Nininho (PSD), Carlos Avalone (PSDB), Janaina Riva (MDB) e o deputado Ulysses Moraes (DC) que está em viagem à China.  Atualmente a Assembleia Legislativa conta com duas CPIs em atividade e o Regimento Interno diz que há espaço para uma terceira. 

Ao apresentar a CPI em plenário, Nascimento disse que há um clamor popular pela investigação e lembrou as críticas nas redes sociais e até o surgimento de petição online pedindo a abertura da investigação na Assembleia. 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS