23 de Maio de 2019,

Entrelinhas

A | A

Quinta-Feira, 25 de Abril de 2019, 22h:59 | Atualizado:

PREVIDÊNCIA

Bancada de MT é favorável

bolsonaro.jpg

 

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) ofereceu um extra de R$ 40 milhões em emendas até 2022 a cada deputado federal que votar a favor da reforma da Previdência, no plenário da Câmara. A bancada de Mato Grosso está em festa.

Na verdade, nem todos aceitariam. Um levantamento indica que, em princípio, só Nelson Barbudo (PSL), Neri Geller (PP) e Emanuel Neto (PTB) são favoráveis à proposta de reforma da Previdência. 

Por orientação do PT, a deputada Rosa Neide já anunciou que vai votar contra a reforma. Juarez Costa e Valtenir Pereira, do MDB, até que topariam a bolada, mas o dono do partido, Carlos Bezerra, está de mal com Bolsonaro. Leonardo Albuquerque (SD) se posicionou contra a reforma e não aceitará negociar a proposta com emendas parlamentares.

 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Lúcio Silva | Segunda-Feira, 29 de Abril de 2019, 17h29
    0
    0

    Deputado Dr. Leonardo, orgulho para Mato Grosso e o Brasil 🙌🙌🙌🙌

  • joassis | Sexta-Feira, 26 de Abril de 2019, 08h18
    11
    4

    Como é de conhecimento de todos que deficit da previdência não passa de conversa fiada, é querer tapa o sol com a peneira, o pato quem pago é só o trabalhador, servidor publico. Agora pergunto ao deputados federal e estadual o que os governos estão fazendo para receber trilhões das empresas que devem para a previdência?

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS