02 de Abril de 2020,

Entrelinhas

A | A

Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 11h:47 | Atualizado:

CURSO NO RJ

Coronel gera revolta no Bombeiros de MT

BOMBEIROS.jpg

 

Existem algumas casos legais, mas que geram revolta no serviço público. Por exemplo, praças e oficiais do Corpo de Bombeiros questionam o fato da autorização para que um coronel, que já tem tempo suficiente para se aposentar, seja liberado para realizar um curso de um ano no Rio de Janeiro (RJ).

Além do salário de quase R$ 30 mil, o oficial receberá cerca de R$ 8 mil por mês a mais como diárias. Durante os 12 meses de treinamento, o oficial terá muito tempo também para curtir as belezas da "cidade maravilhosa"

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Douglas Leite | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 12h07
    0
    0

    E nossa farda ja vai para 7 anos que o Estado não compra e não devolve o dinheiro dos militares que compra com o salário que era para manutenção da sua familia com saude, educação e moradia.a

  • samirkhaled | Quarta-Feira, 19 de Fevereiro de 2020, 09h54
    0
    0

    Infelizmente dai não há o que contestar já que o beneficio é dado pelo estado e esse nosso esnobe governador falastrão só sabe prejudicar as classes de servidores mais baixas. Daí é .....Usa os benefícios quem pode e reclama quem não pode ter esses beneficios. Nosso governador esnobe não ta nem ai com a paçoca essa que é a verdade.

  • João Paulo | Quarta-Feira, 19 de Fevereiro de 2020, 09h51
    5
    0

    A maioria das pessoas pagam de moralista no whatsApp. Postam nos grupos mensagem criticando a maldita corrupção que é um comportamento cultural entre nós. Querem se mostrar como pessoas de refinada consciência a respeito do dinheiro público, por exemplo. Mas na verdade o que querem mesmo é uma oportunidade para se darem bem com os recursos públicos. Vivem farejando e tentando descolar uma "bocada boa". Alguns, no serviço público, passam o seu tempo "nessas bocadas boas". Quando acham uma oportunidade mostram o que fato é: Um carrapato do erário. Quando veem uma oportunidade de aumentar seus ganhos com um DGA, diárias, bolsas de estudos e os cambal, grudam no titular da pasta, ou chefe, ou comandante, etc como rêmoras colam nos tubarões para comerem o que sobra. E há casos que a culpa também é titular da pasta, ou chefe, ou comandante, etc porque as "bocadas boas" só ocorrem com o aval desses. Um servidor público que está prestes a se aposentar somente consegue fazer um curso desses, gastando dinheiro público à toa, se houver conivência do secretário, ou chefe, ou comandante, etc. Possivelmente o governador não sabe disso, mas com certeza o aval tem que pelo secretário da pasta, ou chefe, ou comandante. É um despropósito muito grande com o dinheiro público, gastar um alto valor com alguém ou alguma coisa que não dará retorno para a sociedade. Coisa como essa argumenta contra a seriedade do servidor público, do secretário da pasta, do chefe, do comandante. Governador, corrija esta aberração. Não deixe que essa anomalia continue.

  • Elson Álvares Costa | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 20h52
    11
    2

    Igual o coronel novaki da PM foi prós EUA, FICOU dois anos ganhando diarias internacionais fazendo curso, voltou e aposentou, de nada contribuiu com o Estado

  • ROBERTO RUAS | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 20h35
    3
    8

    É por isso que ainda somos uma COLÔNIA . Uma nação atrasada e perdulária , que trata " sirvidô púbrico" como se fossem mais importantes que os trabalhadores da iniciativa privada , que geram receita para custear infâmias como essa.

  • Reveja isto governador. | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 16h43
    26
    4

    Nem tudo que é legal é moral. Se está prestes a aposentar, pq eu como cidadã tenho que pagar esta conta??? Menos, menos. Dê pra um jovem promissor.

  • Amosil | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 14h49
    28
    4

    Pra uns até boi da LEITE..Pra maioria vaca LEITEIRA da coice.

  • Dboa | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 14h42
    26
    4

    Normal em Mato Grosso vai fazer o curso e se aposentar...

  • kono | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 14h35
    31
    5

    Se isso for verdade. um Coronel novo, vá lá! Agora um velho! vai levar esse conhecimento pra onde? pro túmulo?

  • luis | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 13h18
    33
    3

    E assim caminha o Estado para a total corrupção...Esse coronel vai passar um ano no RJ, vai voltar e vai aposentar....a pergunta : que contribuição esse indivíduo dará para Instituição BM ????? Aposto como deve SER CASO de algum figurão do governo para ter essa mamata.

  • José | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 13h15
    23
    27

    Cara, que matéria mais xexelenta, ô jornalzinho vagabundo. Quem é o coronel? Que curso é esse? Quem que ficou revoltado? Isso não é uma notícia, é uma fofoca de comadres

  • Antonio | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 12h50
    26
    4

    Vixi Maria isso soa como prêmio pois se já tem o tempo suficiente para se aposentar o que a corporação terá como benefício, amenos que isso sirva para reflexão nessa reforma da previdência no tocante à tempo de permanência, pois os mas antigo terá precedência até o tempo a ser atingido.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS