22 de Outubro de 2019,

Entrelinhas

A | A

Sexta-Feira, 11 de Julho de 2014, 18h:58 | Atualizado:

ARARATH

PF acha ações sigilosas com agiota

pf

 

Durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão no escritório de um empresário de fomento mercantil em Cuiabá durante a quarta fase da Operação Ararath, em fevereiro, a Polícia Federal apreendeu documentos de dois processos judiciais sigilosos em posse do agiota. "Mais curioso ainda é que os documentos se referem a dados fiscais que estão protegidos pela cláusula legal de sigilo. Isto causou estranheza a autoridade policial que arrecadou os documentos que deveriam estar encartados em processo judicial sigiloso, mas estivam em uma empresa sem qualquer tipo de justificativa para estarem ali (um despacho judicial autorizando uma manipulação e uso)", diz relatório da PF.

A partir da apreensão, os agentes e delegados da PF estão cruzando os dados. Três juízes, que terão os nomes preservados para não prejudicar as investigações, são citados nos documentos encontrados num envelope pardo pequeno e noutro envelope plástico.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS