Quinta-Feira, 27 de Agosto de 2015, 11h34
TOURO BRANCO
Polícia Federal deflagra operação e prende megatraficante em MT

Da Redação

tourobranco3.jpg

 

A Delegacia de Polícia Federal em Jales (SP) deflagrou na manhã desta quinta-feira (27) a Operação Touro Branco, com o objetivo de combater o tráfico de drogas em vários estados brasileiros. Foram expedidos 30 mandados de prisão temporária e 26 mandados de busca e apreensão.

Um mandado de prisão e três de busca e apreensão foram expedidos para Mato Grosso. Todos eles já foram cumpridos em Cuiabá e Tangará da Serra.

Ao cumprirem o mandado de prisão na capital, os policiais encontraram na casa do suspeito dois revólveres calibre 38 e 22, o que fez com que também fosse decretada a prisão em flagrante.  O preso foi encaminhado para a sede da Polícia Federal, onde está sendo ouvido pelo delegado Sérgio de Arruda Costa Macedo. Após o interrogatório, o preso seguirá para o Instituto Médico legal (IML) para exame de corpo de delito, sendo encaminhado em seguida para a Penitenciária Central do Estado, no bairro Pascoal Ramos.

Entenda a Operação Touro Branco

As investigações estão sendo realizadas pela PF desde o final de 2014 e, neste período, apreensões e prisões foram realizadas em diversas cidades do país. Nos últimos meses, 40 pessoas foram presas, mais de 600 kg de maconha e 97 kg de cocaína foram apreendidos, além de 23 veículos e 6 armas de fogo.

As investigações tiveram início a partir de informações recebidas pela PF sobre a atuação de traficantes da cidade de Ouroeste (SP), dentre eles um ex-peão de rodeio e empresário do ramo, que mantinham contatos com traficantes de Mato Grosso, São Paulo e Minas Gerais. A partir do início das investigações, dezenas de traficantes foram presos e diversas prisões e apreensões foram realizadas.

As investigações da PF demonstraram que a droga era proveniente de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, com posterior envio para Minas Gerais, Goiás e São Paulo. Os criminosos eram muito cautelosos nas operações de transporte e armazenamento das drogas. Maconha e cocaína foram apreendidas em tanques de combustíveis, painéis e forros de veículos. As drogas eram também enterradas em fazendas, telhados de residências, transportadas por caminhões, carros, motos, passageiros de ônibus e até em veículos transportados por caminhões-guincho.

As prisões e apreensões realizadas no decorrer das investigações da Operação Touro Branco foram realizadas nos últimos meses em Ouroeste, Jales, Santa Fé do Sul, Fernandópolis, Ribeirão Preto, Urânia, Aparecida do Taboado, Paranaíba, Ponta Porã, Cáceres, Campo Verde, Uberlândia, Campina Verde, Santa Helena de Goiás.

Vários integrantes dos grupos criminosos identificados foram presos, porém, muitos outros ainda estavam em liberdade. Por esta razão, a PF representou ao juízo de Ouroeste (SP) por mandados de prisão e busca e apreensão destes investigados, bem como, em endereços que mantêm relação com eles. Os mandados objetivam localizar foragidos, investigados, drogas, armas, valores e bens adquiridos, em tese, com recursos do tráfico, além de documentos de interesse das investigações.


Fonte: FOLHAMAX
Visite o website: https://www.folhamax.com/