Terça-Feira, 01 de Setembro de 2015, 16h35
Fiscalização é feita em MT para inibir atuação de guias clandestinos

TVCA

O Sindicato dos Guias de Turismo e a Secretaria de Turismo de Mato Grosso estão realizando uma operação para inibir a atuação de guias clandestinos no estado. O objetivo da ação também é para conscientizar as pessoas da importância de contratar um profissional regularizado.

Para combater a irregularidades, fiscais estão percorrendo alguns pontos da cidade, como o Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá. Lá, o fluxo de turistas é intenso, como também a atuação de diversas empresas que oferecerem pacotes de turismo. A operação iniciou na última semana e as autuações ainda não foram divulgadas.

Há 18 anos trabalhando na região do Pantanal, o guia de turismo Sílvio Souza destaca a importância de estar regularizado e poder ser identificado como um profissional apto para trabalhar na função. “Essa minha identidade traduz segurança para o turista. Ele [turista] sabe que está com uma pessoa idônea e uma pessoa responsável por ele em todo o momento em que estiver nos atrativos turísticos”, frisou.

O presidente do Sindicato dos Guias de Turismo de Mato Grosso, Cássio Araújo, explica que, por enquanto, a operação busca orientar as empresas do ramo, as agências e as pessoas que trabalham como guias no estado, na tentativa de combater as irregularidades.

“Em nosso estado a informalidade do setor é muito grande. As pessoas não estão respeitando a necessidade de se ter um guia para acompanhar nesses passeios. Qualquer pessoa que esteja exercendo a profissão sem estar devidamente qualificada, habilitada, registrada no sistema do Ministério do Turismo, está cometendo um crime”, concluiu o presidente.


Fonte: FOLHAMAX
Visite o website: https://www.folhamax.com/