Sexta-Feira, 21 de Fevereiro de 2014, 09h55
Aplicativo usado por manifestantes bloqueado na Venezuela

Terra

Um aplicativo que se tornou bastante popular entre os manifestantes na Venezuela foi bloqueado no país, de acordo com o CEO da empresa responsável pelo Zello, que “transforma” o smartphone em uma espécie de walkie-talkie.

Bill Moore disse à agência AP que o principal operador da telefonia móvel e provedor de internet do país sul-americano, Movilnet e a CANTV, bloquearam nessa quinta-feira o acesso ao site do aplicativo.

O aplicativo, que é grátis e pode ser baixado em smartphones, tablets ou computadores, “transforma” esses dispositivos em um rápido walkie-talkie. É possível participar de canais públicos para se envolver em um debate, com até 500 usuários.

Além da Venezuela, manifestantes da Ucrânia também têm se utilizado bastante da ferramenta. Segundo Moore, cuja companhia é baseada no Texas (EUA), o Zello foi o aplicativo mais baixado no país europeu nessa quinta-feira para os sistemas operacionais Android e da Apple.


Fonte: FOLHAMAX
Visite o website: https://www.folhamax.com/