13 de Agosto de 2020,

Artigos

Mundo

A | A

Sábado, 01 de Agosto de 2020, 15h:22 | Atualizado:

FORA DA CADEIRINHA

Bebê de cinco meses morre em acidente

raposo2.jpeg

 

O bebê de cinco meses que morreu em um acidente na Rodovia Raposo Tavares (SP-270), em Itapetininga (SP), estava no colo da passageira, sem cadeirinha. A informação foi confirmada pela Polícia Militar Rodoviária, que divulgou também que os ocupantes do carro viajavam sem cinto de segurança.

O acidente aconteceu na noite de quarta-feira (29), na altura do quilômetro 182 da rodovia. Segundo a corporação, o motorista de um veículo, que seguia sentido capital, perdeu o controle da direção em uma curva e bateu no carro que estava no sentido contrário da pista. Chovia no momento da batida.

Beatriz Couto Rodrigues, de 19 anos, e o bebê Cauê Felipe Xavier, que completou cinco meses no dia do acidente, não resistiram à gravidade dos ferimentos. Paulo César de Souza Silva, de 34 anos, que dirigia o veículo de Osasco, também morreu.

Felipe Xavier da Silva, de 21 anos, que dirigia o veículo atingido, chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levado em estado grave ao pronto-socorro da cidade, mas morreu no hospital. A Polícia Rodoviária disse que ele não tinha carteira de habilitação.

Um adolescente de 16 anos, que estava no mesmo carro que Beatriz, Cauê e Felipe, também foi socorrido e levado ao pronto-socorro, onde passou por avaliação, ficou em observação e teve alta na manhã desta quinta-feira (30).

Os corpos das vítimas foram levados ao Instituto Médico Legal (IML) de Itapetininga e enterrados no Cemitério São João batista. O boletim de ocorrência foi registrado como homicídio culposo e lesão corporal culposa. Um laudo vai informar a causa do acidente.

 

Galeria de Fotos



Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • J.José | Sábado, 01 de Agosto de 2020, 19h24
    0
    0

    Com ou sem cadeirinha ia salvar? Carros espatifaram!

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS