26 de Maio de 2020,

Opinião

A | A

Domingo, 29 de Março de 2020, 09h:51 | Atualizado:

Lício Malheiros

O poder de propagação

licio.jpg

 

A chamada em questão não se trata de um sofisma (argumento ou raciocínio concebido com o objetivo de produzir a ilusão da verdade....); muito pelo contrário, tentaremos mostrar, que em tempos de Sars-CoV-2, responsável pelo aparecimento da Covid-19, doença respiratória cujos sintomas incluem febre, tosse e dificuldade para respirar.

Com a propagação desse maldito vírus no Brasil, o que é pior, com o  aumento considerável dos casos  de transmissão local. O governo brasileiro tomou conta da situação, capitaneado pelo presidente da República Jair Messias Bolsonaro, contando como o apoio maciço da brilhante equipe de Saúde Pública, tendo à frente da mesma, o competentíssimo Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Neste momento, a informação oficial  é o melhor remédio, e que a população,  fique atenta em relação a uma parte da mídia televisiva, em especial a toda poderosa, que não está de forma alguma, preocupada com  o Covid-19, e sim, tentando disseminar o  medo, o pavor na população, pensando em aferir lucros e dividendos a custa de milhões de brasileiros.

Brasileiros estes, que se não morrerem pela infecção desse maldito vírus; após o termino dessa pandemia, irão estar acometidos  infelizmente por uma fobia chamada  agorafobia, que está diretamente ligada a transtornos de ansiedade e síndrome do pânico.

Obviamente, cada vez que a toda poderosa, inicia um jornal ou outro programa qualquer, com suas aberturas triunfais, nossos corpos já  arrepiam, pois sabemos que irão chegar informações, tendenciosas e desconexas.

Para quem já está acometido pelo medo, pela incerteza, pela insegurança, na qual me incluo aquela chamada televisiva, causa pânico e terror, em função disso muitos irão desenvolver agorafobia.

As pessoas, com agorafobia sentem medo incontrolável de viver situações que irão lhe provocar crises de pânico ou sensação de falta de controle e constrangimento.

Pelo amor de Deus, não façam igual a toda poderosa, não invertam ou mudem o que estou  querendo dizer.

Não estou dizendo, que o Covid-19 não seja um vírus extremamente perigoso, causador de uma doença   preocupante, principalmente pelo fato do contágio  do mesmo acontecer de forma invisível, para evitá-lo, necessário se faz redobrar os cuidados básicos, com:  higiene, assepsia, e por ai vai. Nos casos dos idosos e pessoas com doenças preexistentes, e os de baixa imunidade, o melhor remédio ainda é o isolamento.

Agora, o que é discutível sob todos os aspectos é a forma acintosa e vergonhosa como essa emissora televisiva, vem conduzindo seus jornais e programas, criando na população ainda mais pânico, com um viés político, vergonhoso e imoral, querendo aumentar no país o medo e até mesmo a discórdia, entre os poderes constituídos, por isso, a chamada tem esse título, o poder de propagação dessa emissora televisiva, tendenciosa e inescrupulosa.

Pare o mundo, quero descer!

Professor Licio Antonio Malheiros é geógrafo

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Anderson Siqueira | Domingo, 29 de Março de 2020, 13h18
    0
    0

    Triste realidade que vivemos hoje sobre a nossa imprensa, pois a maioria esta trabalhando visando o caus e a desordem para simplesmente desestruturar o governo custe o que custar para a esquerda voltar e destruir o Brasil, Deus abençoe o presidente e sua competente equipe de ministros, parabéns pelo seu artigo professor Lício Malheiros.

  • Cuiabano | Domingo, 29 de Março de 2020, 12h01
    0
    0

    Gostei professor, realmente essa Globo esta aproveitando o virus para emplantar o panico entre as pessoas e derrubar o presidente, Globo Lixo

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS