18 de Outubro de 2019,

Polícia

A | A

Quinta-Feira, 05 de Março de 2015, 08h:09 | Atualizado:

LATROCÍNIO

Filho de sargento da PM é assassinado em assalto no Paiaguás


Da Redação

filhosargento.jpg

 

O estudante Higor Kaique Marques Ferreira, 22 anos, foi morto durante um assalto na noite desta quarta-feira. O crime ocorreu em frente a escola onde estudava, no bairro Paiaguás, em Cuiabá. 

O latrocínio aconteceu por volta das 21h30, quando a vítima conversava com um amigo na saída da aula. A motocicleta estava próxima à vítima.

Os jovens foram abordados por dois bandidos armado que anunciaram o assalto. Antes de deixarem o local com a motocicleta, um assaltante atirou contra às vítimas. 

Atingido na cabeça, Higor morreu ainda no local. Já o seu amigo, que levou um tiro de raspão e encaminhado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o pronto socorro de Cuiabá.

Guarnições da Polícia Militar saíram em rondas pela região, em busca da moto, porém não conseguiram localizá-la. Uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) esteve presente e iniciou as investigações do crime. Por se tratar de um latrocínio, o caso será transferido para a Delegacia de Roubos e Furtos.

A direção da escola lamentou o ocorrido e informou que as atividades estarão suspensas até a próxima segunda-feira.

 

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Contribuinte | Quinta-Feira, 05 de Março de 2015, 13h08
    5
    1

    Cadê o policiamento ostensivo? Blitz? A PM tem que estar nas ruas. Tem que ter ações preventivas.

  • Augusto | Quinta-Feira, 05 de Março de 2015, 13h06
    5
    0

    QUE COMECE A CAÇADA A ESSES VAGABUNDOS!

  • Carolina | Quinta-Feira, 05 de Março de 2015, 10h16
    9
    0

    Gostaria de saber onde iremos parar com tanta violência. Estamos em uma cidade de pouco mais de 600 mil habitantes convivendo com a violência de grandes centros. Quando é que nossos governantes vão se despir de tantas vaidades e passar a trabalhar em prol da população? Meus sentimentos a família

  • Fran.CO | Quinta-Feira, 05 de Março de 2015, 09h37
    9
    0

    A bandidagem DECRETOU SENTENÇA DE MORTE para suas vítimas, portanto, é preciso o governo segurar um pouco as despesas com obras e, PRIORITARIAMENTE, duplicar e aparelhar seu contingente policial senão perde a batalha, e grande parcela do povo vai parar o CEMITÉRIO.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS