24 de Maio de 2019,

Polícia

A | A

Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 00h:15 | Atualizado:

INFÂNCIA PERDIDA

Mãe aos 12 anos alegou ser virgem ao chegar em hospital de MT

Parente da mesma idade é apontado como pai da criança


A. ARAGUAIA

casal 12

 

Uma adolescente, de 12 anos, deu à luz a um menino, na segunda-feira (11), em Alto Araguaia, a 426 km de Cuiabá. De acordo com a coordenação do hospital municipal, a menina chegou queixando-se de dores e disse que não sabia que estava grávida, pois nunca havia tido uma relação sexual.

Ainda segundo a coordenação, a adolescente, que mora em Santa Rita do Araguaia (GO), chegou à unidade de saúde acompanha de uma irmã, que é maior. "A médica identificou a gravidez, mas como a garota disse que nunca havia tido uma relação sexual, ela pediu um exame de sangue, mas antes que ficasse pronto, a paciente entrou em trabalho de parto", relatou Maíra da Silva Ribeiro, coordenadora do hospital.

A coordenadora explicou ainda que o parto foi normal. Mãe e filho passam bem e já foram encaminhados para a cidade de origem.

Segundo a família da menina, a suspeita é de que outro adolescente, também de 12 anos, parente da garota, seja o pai do bebê. O caso foi encaminhado para o Conselho Tutelar e o caso será investigado.

Galeria de Fotos

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • CO / WI | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 18h36
    1
    0

    a menina esta pensando: ganhei uma boneca novaaaa!!!! e essa faz até cocô de verdade!

  • Araguainsense | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 12h29
    8
    5

    Incrível a menina engravidou sem relação sexual como pode? A medicina tem que investigar se engravida pelo ar, pelo aperto de mão ou por pesamento....

  • menino terrivel | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 12h00
    7
    2

    brincadeira de médico. só esfrega o membro. brinquei muito disso quando criança. dificil mas as vezes acontece

  • Nascimento | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 07h40
    15
    3

    esta noticia não merece comentários, é digna não de pena, mas de uma galinha inteira. Onde estamos chegando.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS