16 de Setembro de 2019,

Polícia

A | A

Quinta-Feira, 12 de Setembro de 2019, 10h:00 | Atualizado:

RISCO

PM atingido por haitiano recebe alta médica em Cuiabá

POL.jpg

 

O policial militar agredido com facadas por um haitiano nessa terça-feira (10) durante o atendimento a uma ocorrência recebeu alta médica.

O caso foi registrado no Bairro Barreiro Branco, em Cuiabá, e o haitiano, de 48 anos, morreu após ser baleado por um outro policial militar.

Conforme o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que havia sido chamada pela mulher do haitiano, que, segundo ela, sofria com problemas psiquiátricos e já estava há dois dias trancado em um quarto da casa do casal.

Antes de se trancar, no entanto, ele teria agredido a mulher.

A equipe do Samu não conseguiu convencer o haitiano a sair do quarto e chamou a PM, que seguiu para a ocorrência.

No local, ao ver que policiais estavam em sua casa, o haitiano teria saído do quarto armado com uma faca e atacou um dos policiais na cabeça.

O outro PM, na tentativa de defender o colega que foi atingido, atirou no haitiano.

Ele ainda foi socorrido pela própria viatura da PM, enquanto o soldado que foi atingido por uma facada foi atendido pelo médico do Samu.

O haitiano foi encaminhado ao Pronto-Socorro de Cuiabá, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O local foi isolado e uma equipe da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi ao local.

O soldado foi encaminhado para um hospital particular de Cuiabá.

A Corregedoria da Polícia Militar está acompanhando a ocorrência e instaurará procedimento para apurar a conduta dos policiais.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS