02 de Abril de 2020,

Política

A | A

Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 08h:09 | Atualizado:

JUDICIÁRIO

"Carrasco" de Silval se aposenta no TJ; 10 vagas de desembargadores são abertas

Além da aposentadoria de Alberto Ferreira de Souza, TJ criou 9 novas vagas na 2ª instância

albertoferreira (1).jpg

 

O desembargador Alberto Ferreira de Souza protocolou seu pedido de aposentadoria junto ao Tribunal de Justiça de Mato Grosso. Ele deixará o TJ a partir do dia 3 de março.

O desembargador assumiu uma cadeira no Tribunal de Justiça em 2009, em substituição a Shelma Lobardi do Kato. O magistrado, contudo, se notabilizou em 2015.

Atuando junto a 2ª Câmara Criminal do TJ, Alberto Ferreira é o relator da Operação Sodoma em 2ª instância. Era responsável por votos “duros” contra políticos do Estado. Por exemplo, nunca votou favorável à soltura do ex-governador Silval Barbosa e demais membros de sua organização criminosa.

Nos últimos meses, estava se afastando constantemente do Tribunal por conta de problemas de saúde. Em setembro de 2019, realizou uma cirurgia na coluna, que o afastou do cargo até janeiro deste ano. Ainda não retornou completamente às atividades.

VAGA

A vaga de Alberto Ferreira de Souza será preenchida por um juiz de carreira na categoria merecimento. A tendência é de que até o final de março ela seja preenchida.

Além da vaga de Alberto Ferreira de Souza, o Tribunal de Justiça deve eleger outros 9 desembargadores nos próximos meses. Isso porque, o pleno deve aprovar, no próximo dia 27, a criação de 9 novas vagas na 2ª instância.

Destas, 7 serão de juízes de carreira pelos critérios de antiguidade e merecimento e, outras 2, oriundas do Ministério Público e  da Ordem dos Advogados do Brasil.

 

 

 

 

 

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • joana | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 16h44
    3
    0

    sei que não é função deles mas estas 9 novas vagas só seriam validas se fosse pra zerar as filas dos processos. tem processo com mais de 5 anos

  • Mario | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 11h51
    5
    2

    Candidatos fortíssimos pra assumir algumas dessas vagas......"pedrinho marvadeza", "Silvá Barbosa" Zaqueu boca de pipa,:

  • Paulo | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 11h50
    7
    2

    Ele assim como vários Srs e Sras Desembargadores são todos indicados do Maggi. Com certeza Dr. Alberto está fazendo igual o ex ministro do STF Joaquim Barbosa doente mesno de tanta balburdia e ainda correndo riscos outros certo ele. Cai fora antes dos dinamites explodirem.

  • Ramis | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 11h40
    10
    0

    E haja duodecimo pra sustentar esses parasitas , mais dinheiro jogado fora , Brasil America do Sul e uma piada, salve se qm puder!!!

  • Rogério Arantes de Barros | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 10h48
    10
    2

    E o amigão dele "SAKAMOTO" quando aposenta?

  • J.José | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 09h30
    13
    1

    Repararam que quem entrou no caminho do capiroto Sinval teve fim trágico ou terá?

  • Omar Telo | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 09h07
    3
    5

    Que notícia é essa, Meu Deus!???? https://www.brasil247.com/mundo/empresa-russa-comeca-a-fornecer-carne-bovina-para-o-brasil

  • cal | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 09h03
    19
    0

    por que carrasco ? o cara dilapidou o patrimonio do estado , fez o que fez , esta solto ( só no Brasil mesmo ) . Que pague pelo que fez , senão aqaui ... na Justiça Divina ha de acertar as contas .

  • luiz | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 09h00
    16
    0

    Meu Deus, mais NOVE vagas para semi deuses, ai temos que escutar a ladainha do GOVERNADOR que precisa cortar gastos. PQP. A mais não vai aumentar o duodecimo da Justiça, duvido, no ano que vem eles pedem mais dinheiro, pois estas nove vagas devem custar mais de 1 milhão de reais por mês no TJ-MT. Olha, o Brasil não tem remedio mesmo.

  • Djuca Paletó | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 08h49
    10
    1

    Enquanto os deuses se preocupam com poder, status, conforto e dinheiro, o povo padece com uma justiça ineficiente, morosa, capenga e responsável por prejudicar a vida de muitos matogrossense por sua incompetência em resolver os problemas de forma célere e eficaz. É lamentável.

  • Francisco | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 08h43
    19
    0

    Reportagem medíocre. Carrasco coisa nenhuma, contra ladrões aplica-se a lei e pronto.

  • Antônio | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 08h24
    12
    1

    Meu Deus com tantos desembargadores deve ficar mais barato uma decisão....

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS