11 de Agosto de 2020,

Política

A | A

Domingo, 04 de Fevereiro de 2018, 23h:00 | Atualizado:

METRALHADORA DISPARADA

Deputado defende corte de verba para Carnaval e diz que Globo faz "ativismo gay"

Polêmico, Galli diz que sonha ser prefeito de Cuiabá e defende os direitos da família

victoriogalli.jpg

 

O deputado federal Victório Galli (PSC) voltou a ligar sua metralhadora. Desta vez, quem ficou na mira foi o Carnaval e novamente a Rede Globo, a quem chamou de “lixo” e de “faculdade de safadeza”. O parlamentar, em entrevista a Rádio Capital na manhã da última quinta-feira (1), admitiu que sua critica é a apologia a homossexualidade e afirmou que possui um sobrinho homossexual.

Galli, que confessou o desejo de ser prefeito de Cuiabá, afirmou que caso fosse gestor de um cargo executivo, não daria um centavo para festas como a do Carnaval. A declaração soa como uma defesa do governador Pedro Taques (PSDB), que cortou emendas alocadas por deputados para as festas, o que afetou as comemorações, principalmente no interior do Estado.

”Se eu fosse do executivo, o que pretendo ser um dia, começando por Cuiabá, onde quero ser prefeito, pode ter certeza que em uma gestão minha, o dinheiro do executivo só vai para o que for decente e ordeiro. Não nasci deputado, não nasci crente, não nasci professor. Eu nasci foi homem. Vota em mim quem quer defender a família, o casamento”, afirmou.

Segundo o deputado, existem outras formas de diversão, além do carnaval. “As pessoas têm direito de se divertir, mas diversão não é só carnaval. A palavra carnaval vem da palavra carne. A exposição da carne. Tem tantas outras formas de diversão, como jogo de futebol, corrida de bicicleta, ir na beira de um rio pescar, e se descontrair. É uma festa cheia de safadeza. Um pai de família vai ter algum prazer em ver sua filha mostrar a calcinha na rua? O marido ver a sua esposa mostrando o par de coxas na rua? Isso é safadeza. E dinheiro público para isso? De uma coisa pode ter certeza. Dinheiro de emenda minha nunca vai para o Carnaval. O rastro de desgraça que fica é muito maior que o de prazer. É meninas perdendo a virgindade, filhos que vão nascer daqui a nove meses, sem nem saber quem é o pai”, apontou.

Victório Galli voltou a atacar a Rede Globo, a quem acusou de fazer apologia a homossexualidade em suas novelas. “É Globo lixo. Safadeza. Ela está descumprindo aquilo que está na Constituição. A comunicação foi liberada para promover a educação. A Rede Globo promove a desordem. Com as suas novelas está sendo uma faculdade gratuita, em canal aberto, para quem quer aprender a trair o marido, a esposa, desobedecer pai e mãe, safadeza, homossexualismo, é muita viadagem. É viado a tardezinha, cinco horas da tarde, é viado as 18h, viado as 19h, viado as 20h, viado as 21h e por aí vai. É muita viadagem”.

Em seguida, defendeu a ditadura militar no Brasil. “No tempo da ditadura, isso não existia e infelizmente está acontecendo. Eu vou continuar defendendo a família. Minha bandeira não vai ser arriada”, disse.

O parlamentar afirmou que não se importa com o relacionamento entre homossexuais, mas diz ser contra o ativismo. “Eu respeito as pessoas. Se querem casar homem com homem, barbudo com barbudo, cara lisa com cara lisa, em quatro paredes, não tem problema nenhum. O problema é o ativismo gay. Isso é que está matando. Essa movimentação nas ruas, a mulherada de peito de fora, pintando o peito e homem de calcinha. Isso é decente? Já pensou, um traveco, amarrado numa cruz, dizendo que foi crucificado. Cadê o respeito a religião? É isso que eu combato. Se isso for me tachar de homofóbico, pode tachar. Não tem problema nenhum não” afirmou.

Galli ressaltou que não tem problema com gays e chegou a dizer que tem parentes homossexuais. “Na minha família tem gay. Meu sobrinho é gay. É tranquilo, sem problema nenhum. Ele vive a vida dele tranquilo. Ele me pede benção, e eu dou benção. Meu combate é ao ativismo. E a Globo promove isso. A Malhação tem viado lá. Tem lésbica. Menina beijando na boca de menina. Isso é apologia. Se a pessoa é maior de idade e quer viver do jeito que quiser, seja feliz. Mas fazer apologia é um erro”, concluiu.

 



Postar um novo comentário

Comentários (34)

  • Mane | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 15h21
    2
    0

    Gozado ,este Sr. faz tudo o que a Globo ordena . Vai prá rua ;ele vai. sai da rua ,ele sai,de quatro ,ele fica ,abana o rabicó ,ele abana ,vote contra o povo ,ele vota etc... Agora faz beicinho ,quando jogam na tela os Gays. E outra ,o seu canal ,a Record é o dia todo vendendo energéticos par Srs e Sras acima dos 70 aninhos ,prá subir a ¨moral¨dos caidos ,turbinando os velhinhos. Alguns não aguentam ,e lá se vão prá outra ,pois o coração não aguenta , enfarte na certa . JUDAS ISCARIOTES !!!

  • Sonia | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 15h05
    1
    0

    Gente! esse deputado vai votar a favor da reforma da previdência. Vai prejudicar todos, sejam da iniciativa privada ou pública. Ele, o deputado Vitório Galli, não está nem aí pra população.

  • joel silva | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 14h24
    7
    5

    Nesse ponto ele está certo, faça o que quiser em casa, no motel, mas não tente induzir outros a ter a mesma atitude, pode até ser normal socialmente, mas não é natural.

  • reginaldo | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 14h03
    8
    5

    meu apoio dep. e ativismo sim nunca teve tanto gay mesmo...se quiserem dar a rosquinha o problema e deles...agora querer passar a apologia ao homossexualismo dai ta errado;;;

  • C.Eduardo | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 13h39
    8
    4

    Parabéns deputado as críticas são de pessoas que não tem consciência de que estas ideologias nada mais é o desmonte de uma sociedade conservadora, Antonio Gramsci é uns dos inventores disso de dominar o povo pela ignorância e libertinagem. De migalhas e vinhos e um circo que terás o povo ao seu lado!

  • ana | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 12h15
    6
    12

    É quando vcs políticos roubam! Ai tá tudo bem! O senhor só pensa nisso !Pensa em como resolver o problema dá saúde e da segurança e vai pro meio do inferno com seu discurso seu crente monte de merda vc esquece que os homossexuais pagam os seus salários também?

  • edy marcos | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 11h50
    5
    5

    A sociedade, a família está precisando de saúde e educação e saneamento básico, oportunidade de renda igualitária...depois que der algo ai vai pedir licença para entrar na intimidade das pessoas. A família está sendo massacrada por todos os lados, oportunistas estão por todos os lados..eu antes de meter o pitaco na sexualidade da pessoa, não que não seja importante, mas antes temos que ver esses roubos da educação, da saúde, do saneamento básico, da distribuição de oportunidade igual para todos, só então falar da sexualid....da pessoa. Que está feio.....Tenho cada solução que se tem mostrado presente, mas vai ser mais um quebra cara do povo se cair nesses alugadores...Procuramos homens de honra, de amor, honestidade, caridoso, revolucionário...Senhor levanta do meio do nosso povo um com tal perfil para tuia honra e glória e para nossa libertação de nossos opressores. Que vem nos roubando desde antes e ainda dizem que não nos roubou, livra nos dos tais por favor que o fardo deles é pesado. Sustentar a luxuria, ganancia, ostentações dos poderosos nos oprime. Mas eu creio no Deus vivo, que nos libertara dos tais.

  • antunes Silva | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 10h30
    14
    16

    esse cabra do interior não trabalha nãu? Quem é que votou nesse quadrúpede, só preocupa com o mundo gay. Não sou a favor da boiolagem mas cada um vive como quer. Pramim esse cara ta no armário e quer sair e não tem coragem. Ele só fala disso e torra dinheiro nosso. Fazer mão faz nada.

  • jose florencio | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 10h29
    19
    17

    Aberração é sustentar seu discurso em questões como: família, casamento, gênero, oras, num país onde a desigualdade de classes, a miséria, a violência, a saúde constituem seus piores problemas focar nesse assunto me parece uma história mal resolvida no mínimo patológica.

  • João Máximo | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 10h22
    14
    17

    Cada um fala daquilo que gosta, diz a máxima popular, esse sujeito é uma bichona enrustida, doidinho pra sair do armário, aguardem os acontecimentos, só fala e pensa naquilo!

  • Mori | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 10h15
    18
    17

    O tal do crente precisa de tratamento psiquiátrico. Acredita em ser imaginário, e ainda que disciplinar o que deve acontecer com a vida das pessoas. Tomem vergonha na cara, vão cuidar da vida de vocês bando de infelizes e mal amados. Não coloquem o fracasso pessoal de vocês na vida de outras pessoas, doentes!

  • Anna Arantes | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 10h11
    16
    15

    Ta certo nesse ponto GLOBO só mostra viado/sapatão como se fosse coisa normal, como se quisesse ter um na sua familia...CHEGA os HETEROS tem VOZ tbem.

  • Barbosa | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 10h11
    13
    13

    Tem o meu apoio. Victorio Galli 2018. BOLSONARO 2018.

  • Eleitor indignado | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 10h06
    11
    11

    Concordo no que se refere a ideologia de gênero que querem impor como se fosse algo normal (sabemos que se trata de uma aberração), mas, deputado, você vai votar a favor da reforma da previdência? vai massacrar os seus eleitores? muitos perderão e muito com o teu voto. Lembraremos do deputado quando formos votar.

  • Anna | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 10h00
    13
    12

    Esse cara soh pensa na Globo, aff, vai cuidar de Cuiabá.

  • André N. | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 09h39
    10
    9

    Prefeito de Cuiabá? Prefiro votar no capeta!

  • Carlos | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 09h05
    12
    13

    Pra variar, mais um crente idiota cuspindo besteiras aos quatro cantos. A palavra carnaval vem do latim CARNE VALE, que significa "adeus à carne", indicando que eram os últimos dias em que se podia comer carne antes da quaresma. E carne o sentido que ele está querendo fazer parecer. Uma simples pesquisa mostraria a esse boçal isso, mas esse povo não lê nema bíblia direito que eles defendem, imagina outros livros.

  • Ricardo | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 08h41
    36
    13

    Concordo com o deputado, sou contra o ATIVISMO, querem fazer normal o que não é!!!

  • Bruno Costa | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 08h30
    26
    11

    Concordo a apologia e de satanás, nao ao homossexualismo, lésbicas e ao fim da família. Verba pública e pra trazer dignidade a sociedade e nao desgraça. Nao a verba pública para Carnaval.

  • textonni | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 08h29
    24
    10

    Sr deputado, meus parabéns por defender seu ponto de vista abertamente, é isso que falta na vida de muita gente, ''a coragem e realeza de ter opinião'' o sr esta totalmente coberto de razão, pois nunca devemos discriminar a opção de cada um, porem tbm jamais devemos incentivar...Afinal eu pergunto aos gays que são pai ou mãe: qual de vcs desejam ardentemente que seus filhos se tornem homossexuais tbm...

  • Ademar Adams | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 08h19
    18
    20

    E a besta aproveita para defender a ditadura. Não atoa que apoia o Bolsamoradia...

  • Rolainy Pinto | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 07h42
    4
    1

    Só desse deputado abrir a boca, todo mundo sabe, quem muito desdenha quer comprar, ele não passa de uma bibona enrustida relutando para sair do armário.

  • Alex | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 07h42
    11
    23

    Falso moralista.

  • Cleiton Augusto | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 07h19
    10
    12

    Sei não ein...

  • Rogério | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 07h10
    29
    13

    Parabéns deputado, você representa a maioria silenciosa da população, você me representa.

  • TATU | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 07h04
    10
    22

    esse dep de quintq categoria quer se aparecer pq é ano de eleicao!! tranquira!!

  • Marcos | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 06h40
    14
    15

    Não fez nada a favor dos evangélicos que o elegeu, pelo contrário , ficou o mandato todo bailando a favor dos patrões e agora vem de novo como esse discurso homofobico tentar conquistar a classe trabalhadora evangélica mais prejudicada com as mudanças do themer apoiada por ele

  • Paulo nogueira | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 06h23
    23
    11

    Sr. Vitório Galli concordo com o sr. ,a partir de hoje sou seu cabo eleitiral de graça.

  • Eleitir | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 06h10
    13
    7

    Ele tem que falar isso no congresso... ou já está em campanha pra prefeito ...????

  • MT | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 05h02
    23
    7

    Sou obrigado a concordar com essa Mula..

  • Graci | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 03h52
    21
    2

    Todos, Deveriam fazer ativismo para saúde, também 👏O Hospital Julio Müller -HUJM 👍aguardando :Ativismo para Saúde, e assim melhorar vida da sociedade. 🙏.Graci Ourives de Miranda. Escritora e professora

  • Graci | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 03h51
    19
    3

    Todos, Deveriam fazer ativismo para saúde, também 👏O Hospital Julio Müller -HUJM 👍aguardando :Ativismo para Saúde, e assim melhorar vida da sociedade. 🙏.Graci Ourives de Miranda. Escritora e professora

  • Marc | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 01h35
    18
    12

    Agora é Bolsonaro!

  • J.José | Segunda-Feira, 05 de Fevereiro de 2018, 01h06
    21
    9

    Verdade nua e crua.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS