25 de Junho de 2019,

Política

A | A

Terça-Feira, 25 de Março de 2014, 17h:24 | Atualizado:

Nadaf descarta possibilidade de acumular Casa Civil e Secom

O secretário-chefe da Casa Civil, Pedro Nadaf (PR), descartou qualquer possibilidade de acumular funções e assumir a Secretaria de Estado de Comunicação. A informação foi repassada ao governador Silval Barbosa (PMDB) nesta terça-feira (25) e o nome do substituto de Carlos Rayel à frente da Secom será decidido ainda nesta semana.

Entre os motivos elencados por Nadaf está a responsabilidade de auxiliar Silval na conclusão dos projetos em andamento no Estado, como as obras para a Copa do Mundo e o MT Integrado. “Não há possibilidade de acumular duas funções de grande importância, como estas. Continuarei na Casa Civil e trabalharei para que a atual gestão possa ser conduzida da melhor forma possível, como venho fazendo”.

A possibilidade de Nadaf acumluar a Casa Civil com a Secom foi aventada após a confirmação de que Rayel deixará a pasta. Ele irá se dedicar aos trabalhos empresariais, que incluem a coordenação de campanhas eleitorais em várias cidades do Brasil.

Além do cumprimento da Matriz de Responsabilidades definida pela Fifa, que inclui as obras no Aeroporto Marechal Rondon, na Arena Pantanal e intervenções no corredor Mário Andreazza, Nadaf permanece no apoio ao trabalho de implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) metrô de superfície que ligará as cidades de Cuiabá e Várzea Grande.

No interior, Silval mantém em andamento o projeto MT Integrado, que prevê a recuperação de rodovias, construção de novas pontes e obras de duplicação em diversas vias para aumentar a qualidade na malha viária de Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS