19 de Junho de 2019,

Política

A | A

Sexta-Feira, 11 de Janeiro de 2019, 18h:35 | Atualizado:

SISTEMAS

Parceria combate fraudes na Sema-MT

MASSAO-BUSTAMENTE.jpg

 

Uma parceria entre a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) e Ministério Público Estadual (MPE) promoverá o compartilhamento de dados e informações via Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). Os representantes das instituições visitaram, nesta sexta-feira (11.01), a Sala de Crise, Sala de Videomonitoramento, a Plataforma de Observação Elevada (POE) e demais estruturas que dão suporte ao CICC, na sede da Sesp.

Foram repassadas informações a respeito dos procedimentos adotados desde a instalação do aparato tecnológico para a Copa do Mundo de 2014. Em tempo real, servidores da Sesp-MT acompanham imagens das câmeras espalhadas por Cuiabá e Várzea Grande e demandam os atendimentos ao Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp). A POE, por exemplo, permite a observação do local a 15 metros de altura, por meio de câmeras HD e térmicas, ideal para auxiliar a segurança em eventos com grande circulação de pessoas. A Secretaria também conta com o CICC móvel, um ônibus equipado com câmeras de videomonitoramento e Sala de Crise.

Segundo o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, a ideia é colocar em prática a orientação do governador Mauro Mendes de otimizar os recursos públicos. “A Sema está precisando de um apoio e nós temos como acolher tudo o que eles precisam. Temos o Centro Integrado de Comando e Controle, que pode auxiliar nas operações da Sema, sem aumentar o custo. Com o que a gente tem hoje, é possível absorver esta necessidade da Sema”.

A parceria é uma alternativa para melhorar os serviços prestados sem gerar novos custos, conforme ressalta a titular da Sema-MT, Mauren Lazzaretti. “Nesta visita nós já identificamos várias oportunidades de integração de dados e serviços. Nossa perspectiva hoje é que o monitoramento das atividades que a Sema faz, principalmente no que diz respeito ao transporte de produto florestal, tenha uma interação com o trabalho que é feito pela Sesp, acredito que podemos melhorar a eficiência da nossa fiscalização com o trabalho que já existe”.

O promotor de justiça do MPE, Marcelo Caetano Vacchiano, avalia que esta integração pode contribuir para evitar fraudes nos processos conduzidos pela Sema. “A Secretaria de Segurança Pública tem uma estrutura que a Sema pode utilizar na área de Tecnologia da Informação que pode auxiliar nesse sentido e também colaborar para a conservação desses arquivos”.

Com as informações apresentadas durante a visita, os órgãos envolvidos começarão as tratativas para a elaboração do termo de parceria já na próxima semana.

 

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Just | Sábado, 12 de Janeiro de 2019, 08h49
    5
    0

    Moacir chefe da Sema em Barra do Garças!!!!! Parabéns Senhor Governador. O passado de volta a pleno vapor.

  • X9 | Sábado, 12 de Janeiro de 2019, 08h41
    11
    0

    Essa sala de investigação da Sema já tinha quando o João Dias vinha fazendo suas artimanhas e era monitorado pela PM que estão dentro do órgão e no entanto não levantou nenhuma suspeita do episódio? o secretario Baby também sabia de toda maracutaia, assim como a coordenadora do setor Laidi Lima que está quietinha e ninguém mexe com ela, será porque?

  • Eleitor | Sábado, 12 de Janeiro de 2019, 04h52
    7
    0

    Parabéns pela a iniciativa mas enquanto o deputado madeireiro e agora líder do Governo continuar usando o mandato para mandar dentro da Sema e defender os interesses particulares vamos continuar vendo as irregularidades serem defendidas a luz do dia...Sugiro que o MP peça a TJ/MT o monitoramento deste deputado que verão como ele agi em relação as questões ambientais...Cadê o resultado da CPI das PCHS que fioi comandado pelo dito deputado...

  • investigador social | Sexta-Feira, 11 de Janeiro de 2019, 22h21
    4
    0

    eu acredito!!!!!!!!!!!!!!mas, seria bom apresentar também novos modelos bem confortáveis de algemas!!!!!!!!

  • honestina de jesus | Sexta-Feira, 11 de Janeiro de 2019, 22h18
    3
    0

    hummm, haaa seiii, entendi, tá bom, acreditem, sou honestinha...

  • Augusto Cuiabano | Sexta-Feira, 11 de Janeiro de 2019, 21h22
    4
    0

    Pessoal da Sema acha que o Delegado do Gaeco que está na foto é bobó so porque é "gente boa". Já já tão em cana. Secretaria duvidando da inteligência.... do grupo.

  • Talisia | Sexta-Feira, 11 de Janeiro de 2019, 20h42
    7
    0

    A REALIDADE É UMA SÓ SENHORES PROMOTORES DE DEFESA DO MEIO AMBIENTE, A FLORESTA DO ESTADO DE MATO-GROSSO VEM SOFRENDO BASTANTE COM O DESMATAMENTO ILEGAL A MUITO TEMPO. A BUSCA INCESSANTE PELO LUCRO A CORRUPÇÃO E O COMODISMO DAS NOSSAS AUTORIDADES SÃO AS PRINCIPAIS CAUSAS DESTE TRÁGICO PROBLEMA, E TAMBÉM A PORTA DO ESTADO ESTÁ ABERTA ( SEM FISCALIZAÇÃO ) PARA O TRANSPORTE DE MADEIRAS COMO A CASTANHEIRA (PROIBIDA DE CORTE) E TANTAS OUTRAS, E AINDA MAIS A FISCALIZAÇÃO DE MADEIRAS SEMPRE INCOMODOU E INCOMODA A MAIORIA DOS DEPUTADOS E AQUELES QUE QUEREM ANDAR NA ILEGALIDADE, A FLORESTA NÃO É SÓ PARA A PRESENTE GERAÇÃO MAIS TAMBÉM PARA AS FUTURAS GERAÇÕES.

  • de volta do futuro | Sexta-Feira, 11 de Janeiro de 2019, 19h50
    3
    0

    eu acho que não houve nenhum constrangimento, eu acho!!!!

  • Caprichou hem Mauro Mendes. P | Sexta-Feira, 11 de Janeiro de 2019, 18h53
    8
    0

    hahahahaha... hahahahahaha... com estes nomeados????? Pode preparar Ministério público, Dema, Polícia federal, exército.... Só meliante profissa... É uma falta de respeito com o cidadão o que este governador está fazendo.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS