23 de Julho de 2019,

Política

A | A

Segunda-Feira, 03 de Março de 2014, 09h:48 | Atualizado:

TRANSPORTES

Silval exalta produção e cobra investimentos em logística

silval-areia.jpg

 

O governador Silval Barbosa (PMDB) exortou os resultados do Produto Interno Bruto - PIB que é a soma de todas as riquezas produzidas no país em 2013 e apontou que o agronegócio continua sendo a referência nacional, o que exige mais investimentos públicos na logística de transporte para se potencializar ainda mais os resultados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE.

“O crescimento do PIB do Agronegócio foi de 7% se comparado com 2012, isto é um crescimento consistente e o mais importante com níveis de primeiro mundo”, assegurou Silval Barbosa, lembrando que o setor continua demonstrando força apesar dos obstáculos e atropelos vividos.

 Para o chefe do Executivo de Mato Grosso, é difícil se presenciar problemas que se arrastam por décadas sem fim como a questão das estradas e da falta de outros meios de transporte como das ferrovias e não ter soluções a curto e médio prazos. “Precisamos de investimentos maciços em rodovias, ferrovias e hidrovias para que o setor produtivo seja ainda mais eficiente, pois daqui estão saindo os dividendos que tem sustentado a Balança Comercial do Brasil”, disse Silval Barbosa lembrando que Mato Grosso tem 22 mil quilômetros de rodovias que precisam ser pavimentadas, fora as que precisam receber manutenção e conservação.

Segundo estudos técnicos, somente para atender a demanda de Mato Grosso e suas dimensões continentais seriam necessários recursos da ordem de R$ 30 bilhões. O presidente da Aproso-ja/MT, Carlos Fávaro, sinalizou que a logística de transporte estrangula o setor produtivo, apontando que: “O que se deixa de investir neste ano, vai custar 30% no ano que vem ou até mesmo o dobro, então é preciso encontrar soluções, pois Mato Grosso e o Brasil tem condições de avançar ainda mais a produção de grãos, carne, madeira entre outros produtos de forma racional, ambientalmente correto, mas com investimentos maciços para se enfrentar os problemas”, acrescentou.

No quarto trimestre de 2013, o PIB cresceu 0,7% em relação ao trimestre imediatamente anterior, resultado que ficou acima das estimativas dos analistas. Na comparação com o quarto trimestre de 2012, o PIB apresentou alta de 1,9% no quarto trimestre de 2013, vindo acima das estimativas, que variavam de 1,07% a 1,80%, com mediana de 1,50%.

TRANSPORTES

O governador Silval Barbosa reforça posição que o agronegócio mato-grossense é uma referência nacional e cobra mais investimentos.

 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS