10 de Abril de 2020,

Política

A | A

Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 14h:40 | Atualizado:

À BEIRA DA CASSAÇÃO

Vereador sugere que Abílio peça desculpas aos colegas em Cuiabá

Relator de processo afirma que parlamentar priorizou confusões e não projetos


Da Redação

abilio=plenario-folhamax

 

Relator da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que pode tirar o mandato de Abílio Junior (PSC) na Câmara Municipal, o vereador Ricardo Saad negou a existência de um complô da bancada governista para cassá-lo. Pelo contrário, teria utilizado sua experiência de dois mandatos para acolher o estreante eleito em 2016.

Em contrapartida, o mais popular opositor do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) teria ido longe demais com a live via Facebook acusando quatro colegas de ameaçarem-no de morte e em várias outras ocasiões, como nos episódios do HMC (Hospital Municipal de Cuiabá) e do Hospital São Benedito. “Eu fui um dos que mais o acolheram. Sempre orientei, avisei: ‘você é muito impulsivo, mude seu comportamento, não é assim’, mas ele nunca ouviu. O que é legislar? Não é só fiscalizar, é fazer projetos de lei que virem leis pro bem da comunidade. E Abílio não tem nenhuma lei. Eu, só agora este ano passado, apresentei 47 projetos de lei e quase tudo, 25, na saúde”, disse em entrevista ao Jornal do Meio Dia.

Saad respondia a uma provocação do apresentador o questionando quanto à suposta “importância” das “fiscalizações” de Abilinho, especificamente as remetentes à área de atuação profissional do relator, que é médico. “Eu fiscalizo a saúde, vou nos lugares e ninguém fala nada de mim. Não vou lá e filmo, vou lá, vejo o que tá errado, chamo o diretor e converso com ele. Meu estilo é esse. Não adianta eu ir lá bater. Talvez se ele fosse lá, fizesse essas lives dele sem mostrar a intimidade das pessoas, teria uma forma diferente de fiscalizar”.

Conforme o legislador, todo mundo cobra do outro o que recebe e o social cristão abusa, desde o começo do mandato, da exposição dos parceiros de Câmara. Outro ponto mais polêmico foi aludido pelo âncora com relação ao entendimento da população, caso se confirme a saída do membro da Assembleia de Deus, de uma suposta perseguição justamente porque Abílio apontaria os erros e malfeitos dos políticos. “Existe o desgaste, porque a população pode estar pensando nisso, mas existe outro desgaste: a maneira como ele fica agindo lá dentro, atirando na própria casa em si, nos vereadores, o dia inteiro. Leva coisa para denunciar nas quais ele também está no meio. Então, pera aí, a conduta tá errada. Tudo que eu cobrei foi em cima do código de ética, do regimento interno, da lei orgânica do município”, pondera.

O tucano seguiu garantindo que tudo que está sendo cobrado de Abílio Junior é para deixar claro que a conduta de vereadores deve ser ilibada, proba. Até mesmo acima da conduta comum à sociedade, de modo que todos devem estar 20% acima do que é considerado certo.

Conforme ele, há uma maneira mais efetiva de atuação para defender a saúde pública, convencendo os pares vereadores a votarem bons projetos por meio do convencimento, da argumentação. “Porque você sabe que ninguém faz nada sozinho. Vamos usar um argumento que talvez faça a população repensar: se fosse pelo Abílio, que usou uma lei minha, que proibia o pronto socorro de funcionar sem estar totalmente acabado, quantos pacientes teriam morrido ou não teriam o atendimento que eles mereciam no HMC? Ele foi lá, mas você viu a atitude dele lá na frente, com a polícia correndo atrás dele? Isso não é atitude de vereador, sinto muito”.

Seguindo nas críticas, o social democrata afirmou que foi várias vezes no HMC fiscalizar, mas nunca filmou nem expôs ninguém, mas procurou o diretor da unidade, Alexandre Beloto Magalhães, mostrou as falhas e depois retornou para conferir se estas foram sanadas. “Essa é a minha função, não fazer o dia inteiro selfie, mostrar o que tá errado e gritar na rua. Não é isso”, disparou.

PERDÃO

Perguntado se não seria melhor repreendê-lo pelo que ele está fazendo ao invés de dar a pena máxima e cassá-lo, o médico vereador disse que não havia mais como, pois a live tornou-se falha gravíssima na medida em que não foi apresentado boletim de ocorrência e ele nunca quis sequer pedir desculpas a seus pares por uma falsa imputação de crime.

“Não levou b.o., não pediu desculpa, porque se ele amanhã chegar no plenário e pedir desculpa por tudo que ele fez, tenho certeza que mais da metade dos vereadores vai pensar diferente e não votar a cassação dele, porque agora o voto é político. Resolveria ele ir lá e falar: eu me arrependo do que eu fiz, me deem mais uma chance. O que demonstra isso? Humildade e eu acho que ele não tem isso. O problema é que ele não para, se o tivéssemos suspendido por 30 dias, como manda o estatuto, ele não pararia. Eu conheço Abílio, ele nos atacaria ainda de forma pior”.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Humberto | Segunda-Feira, 24 de Fevereiro de 2020, 09h02
    0
    0

    Pessoa desequilibrada, é de fato.

  • Humberto | Segunda-Feira, 24 de Fevereiro de 2020, 09h02
    0
    0

    Pessoa desequilibrada, é de fato.

  • Moreira | Segunda-Feira, 24 de Fevereiro de 2020, 07h41
    1
    1

    Esse Ricardo Saad deveria ter vergonha nos altos dos seus 70 anos de idade, tamanha cara de pau. Como médico, você não pensa nas pessoas que morreram por falta de atendimento e de remédios nos postos de saúde e hospitais? Abílio desbaratou uma quadrilha na secretaria de saude e demais órgãos, e ele fica e o Paletó sai.

  • João | Segunda-Feira, 24 de Fevereiro de 2020, 00h29
    1
    1

    Difícil achar um perfeito na câmara, mas esse vereador Abílio e totalmente imaturo e inconsequente, não entendi essas manifestações onde aplaudem um vereador que deveria fiscalizar e fazer bons projetos, passou parte do mandato dele como desiquilibrado

  • Cuiabano | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 16h01
    10
    5

    Quem deveria ter vergonha é vc, idoso ai com 70 anos, se fazendo o papel de puxa saco de um prefeito corrupto filmado pegando dinheiro.

  • Eleitor | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 16h00
    10
    6

    Abilio nao tem nenhuma lei?! Saad vc nao sabe contar ou é mentiroso. Lei pra mudar nome de rua, um dia qualquer pra se comemorar, ou pra cobrar mais impostos ele nao tem mesmo. Leis apresentada pra fiscalização ele tem um monte, mas a turma do Paletó não aprova.

  • Analista Politico | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 15h52
    10
    6

    Inversão de valores que só convence idiotas. Quem deveria pedir desculpa é os vereadores dentro do Paletó, com seus milhares de puxa sacos na prefeitura. Não basta pegar dinheiro publico, usa a maquina a seu favor. Dizendo que seu emprego depende do prefeito continuar na prefeitura e eu como vereador pra te indicar la. Se fossem todos concursados queria ver esse Paletozinho se eleger.

  • Ze do porto | Domingo, 23 de Fevereiro de 2020, 15h34
    6
    10

    Um insano, mesmo que pede desculpas em um dia, no outro ele fará pior ainda.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS