27 de Maio de 2019,

Política

A | A

Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 12h:58 | Atualizado:

CASA DO TATAME

Vereadores quase brigam ao discutirem taxação de transporte de aplicativos em Cuiabá

Renivaldo Nascimento dá "chega pra lá" em Abílio Junior ao correr atrás de assessor parlamentar


Da Redação

RENIVALDO-ABILIO.jpg

 

A sessão ordinária da Câmara Municipal de Cuiabá desta manhã de quinta-feira (14) foi marcada por nova confusão, que quase resultou em agressão física. O imbróglio foi protagonizado pelo vereador Renivaldo Nascimento (PSDB), que correu atrás de Rafael Millas, assessor do deputado estadual Ulysses Moraes (DC) e diretor do MBL (Movimento Brasil Livre), o acusando de empurrá-lo. 

Tudo começou após Millas aplaudir o vereador Abílio Júnior (PSC), que usou a tribuna para discursar contra o projeto de taxação de aplicativos de transporte, que está sendo votado hoje. Os aplausos de Millas acabaram por irritar Renivaldo, que foi atrás do assessor, afirmando que ele não poderia estar no lugar onde se encontrava, na porta do plenário.

“Aplaudi a fala do Abilinho porque foi muito boa. Com o aplauso da fala, ele [Renivaldo] veio pra cima de mim, falando que eu não podia estar ali e isso mostra claramente qual lado que ele está, a que interesse ele está defendendo, que é do táxi, por motivos escusos, que não sabemos ainda. Mas essa exaltação exagerada mostra claramente o desespero que é esse projeto absurdo desse de taxação, mas eu não me importo, faz parte do jogo, a intolerância é normal”, explicou Millas à imprensa após a confusão.

Já o vereador Renivaldo, acusou Rafael Millas de empurrá-lo e começou a ir em direção ao local onde o assessor se encontrava. Abílio então se pôs no caminho, para bloquear a passagem do tucano, mas Renivaldo conseguiu retirar o braço do social-cristão, passando correndo por ele, para ir atrás de seu desafeto.

Abílio havia criticado o Projeto de Lei, de autoria do Executivo, que pretende cobrar R$ 0,05 de cada quilômetro rodado pelos motoristas de aplicativo, além de submeter o veículo à fiscalização da Semob (Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana). Em seu discurso, o vereador criticou o projeto e o chamou de vergonhoso.

Devido à confusão, a sessão foi suspensa pelo presidente da Casa, vereador Misael Galvão (PSB), por cinco minutos.

NA CARA

O deputado estadual Ulysses Moraes foi convidado a subir à Tribuna, como autoridade representante da Assembleia Legislativa. Em seu discurso, igualmente inflamado, o deputado afirmou que o Poder Público não pode atrapalhar a iniciativa privada e o consumidor final, além de mencionar que se tornou presidente da Comissão de Livre Mercado na Assembleia e questionou aos vereadores o lado em que estavam, se do bem ou do mal.

Em resposta, o presidente da Casa afirmou que a democracia reina no lugar e que todos os lados são ouvidos. Misael também afirmou que, assim como a Assembleia Legislativa, a Câmara Municipal também tem comissões e está preparada para defender os interesses da população.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • carlos | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 18h10
    1
    0

    essa camara é somente baixaria mesmo, esse Renivaldo não é o mesmo que recebe cerca de 52.000,00 por mês do estado e tem mais o salario de vereador???? Vamos tirar as mascaras de quem precisa meu povo por favor. Outra coisa quanto aos aplicativos, sera simples ninguem nunca mais ultiliza o taxi somente isso???? quero ver o que o nobre vereador apoiador do projeto qual sera sua reação. essa camara é um lixoe esgoto a céu aberto mesmo.

  • Frank Sabiá | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 16h26
    2
    0

    Tudo como antes, no Quartel de Abrantes. Cadê a Nova Câmara ? - piada de salão.

  • Soudixon | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 16h21
    4
    0

    De os nomes dos vereadores q votaram não contra o aplicativo , e sim contra a população cuiabana. Esse Renivaldo mereçe ser cassado.

  • Frank Sabiá | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 16h08
    3
    0

    Tudo como antes, no Quartel de Abrantes.

  • lliliana m almeida | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 15h08
    10
    4

    SenhorES vereador ABILIO JULIO e Senhor RAFAEL MILLAS nos povo cuiabanos juntamos aos SENHORES para dizer NAO AO PROJETO TAXAÇAO DE APLICATICOS DE TRANSPORTE... ; sem MEDO vai pra cima(up)chega de prejudicar a populaçao do Estado de Mato grosso... O UBER nos oferece excelente serviço com qualidade, responsabilidade, respeito, e melhor preço.. ADEMAIS que nao AJUDA nao ATRAPALHA ...ANOTA AI

  • Dona Justiniana Assis | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 14h27
    6
    0

    credo, esse lugar parece a casa de minha vizinha aqui no Pedra. Todo dia é um barraco cabuloso

  • Shomano | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 14h07
    4
    1

    Todos canalhas!

  • leoncio | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 13h33
    15
    1

    Depois me digam se não é esta a casa de horores

  • Comentarista de Rede Social | Quinta-Feira, 14 de Março de 2019, 13h07
    10
    1

    Cheguei cedo demais para ler os comentários. rsrsrs

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS