Cidades Quarta-Feira, 10 de Abril de 2019, 14h:55 | Atualizado:

Quarta-Feira, 10 de Abril de 2019, 14h:55 | Atualizado:

Notícia

Exame de paternidade e divórcio consensual marcam programa do Judiciário

 

Da Redação

Compartilhar

WhatsApp Facebook google plus

Enquanto uns começam a construir uma relação outros colocam um ponto final. E se há consenso, os procedimentos seguem tranquilamente. Foi assim com o estudante Murilo César, 11 anos, e o pequeno agricultor Elvis Conceição da Silva, 49. Pai e filho que se conheceram no ano passado e hoje estão em busca do exame de paternidade para registro no documento. E também com o ex-casal a costureira Valdirene da Silva Reis, 39 e o motorista André Ferreira da Silva, 39, que assinaram o divórcio consensual.

Eles foram umas das cerca de 800 pessoas que estiveram na Escola Municipal Irmã Elza, na Vila Mineira em Rondonópolis nesta terça-feira (9) durante o segundo dia de atendimentos do projeto Judiciário em Movimento do Tribunal de Justiça realizado em parceria com a prefeitura.

A estudante do 1º ano, Isabelle Delmondes, 15 anos, disse ter adorado o bate papo e que vai levar os ensinamentos para a vida. "Conflito é o que mais rola na sala. Quem sabe agora isso diminiu", espera.

O professor de educação física, Wagnon Velasco, com 20 anos de atuação destacou que os conflitos entre adolescentes começam pequenos e precisam da intervenção logo para não se avolumarem. "Cada um tendo consciência do seu papel, entendendo que com respeito e conversa pode se resolver”.

Nesta quarta-feira (10) o Judiciário em Movimento será realizado no CEU Margarida, no Parque São Jorge, das 9h às 17h. E na quinta será a vez da comunidade do Parque Universitário ser atendida no Oratório Dom Bosco.





Postar um novo comentário





Comentários

Comente esta notícia






Copyright © 2018 Folhamax - Mais que Notícias, Fatos - Telefone: (65) 3028-6068 - Todos os direitos reservados.
Logo Trinix Internet