13 de Agosto de 2020,

Artigos

Cidades

A | A

Domingo, 04 de Maio de 2014, 11h:46 | Atualizado:

DESRESPEITOU PLACA

Ônibus fica 'entalado' em viaduto da capital

viaudutoentalado620.jpg.jpg

 

Um ônibus de transporte interestadual tentou passar pela pista debaixo do viaduto Jornalista Clóvis Roberto, mais conhecido como viaduto da UFMT, em Cuiabá, na noite deste sábado (3), e não conseguiu. Ao tentar seguir em marcha-ré, o veículo caiu em um buraco que tinha na pista ainda não pavimentada e não saiu, conforme relatou o motorista Alessandro Pelissari, que seguia logo atrás do ônibus, mas teve de voltar na contramão pela Avenida Fernando Corrêa da Costa.

"Ele [motorista de ônibus] desodeceu a placa avisando que não pode passar caminhão, nem ônibus, e foi em direção ao viaduto", afirmou o motorista. Segundo ele, os motoristas que estavam atrás do ônibus se cansaram de esperar e começaram a fazer o retorno na contramão. "Foi um risco muito grande porque o trânsito estava muito movimentado", disse, ao citar que o trânsito na Avenida Fernando Corrêa da Costa estava em apenas meia pista.

O G1 entrou em contato com a empresa de viação Motta, a qual o ônibus pertence, mas ninguém atendeu as ligações neste domingo (4).

O tráfego de caminhões e ônibus, com altura acima da permitida, é proibido, segundo o assessor de mobilidade urbana da Secretaria Extraordinária da Copa (Secopa), Josemar Araújo. Segundo ele, existe sinalização indicando que o acesso nessa pista é proibido para ônibus.

Inacabado, o viaduto da UFMT foi inaugurado em dezembro do ano passado sem que a parte inferior da estrutura, com pistas marginais e uma rotatória, estivesse disponível para o tráfego de veículos, pois está sendo executada juntamente com as obras da Avenida Parque do Barbado, que deverá promover novo acesso à UFMT e à Avenida Archimedes Pereira Lima, mais conhecida como Estrada do Moinho.



Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS