24 de Fevereiro de 2020,

Cultura

A | A

Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 10h:25 | Atualizado:

FALTA DE RECURSOS

Artistas cobram liberação de R$ 600 mil em projetos culturais dos 300 Anos de Cuiabá


Da Redação

festa300.jpg

 

A classe artística de Cuiabá cobra R$ 600 mil da prefeitura referentes a projetos financiados pelo administração municipal para as comemorações dos 300 anos de fundação da capital matogrossense. Segundo uma reportagem veiculada no Jornal do Meio Dia, que foi ao ar na sexta-feira (17), a prefeitura da Capital firmou ao todo 51 projetos em 7 segmentos artísticos no ano de 2019 no valor de R$ 2,1 milhões.

Desse total, cerca de R$ 1,5 milhão foi pago – restando ainda os R$ 600 mil. O valor corresponde ao pagamento de dois segmentos da classe artística – audiovisual e cultura popular -, que ainda não receberam os recursos.

Na manhã desta sexta-feira, representantes da classe artística tiveram uma reunião com o secretário municipal de cultura, Francisco Vuolo para tentar solucionar a questão. O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), comentou na reportagem que os valores devem ser pagos entre janeiro e fevereiro de 2020.

Além do fomento às atividades culturais de Cuiabá, a prefeitura também tinha planejado um festival com artistas nacionais para comemorar os 300 anos da fundação da capital matogrossense, comemorado em 8 de abril de 2019. Porém, alegando “individualismo” de setores da sociedade – como o Ministério Público do Estado (MP-MT), e a Federação Mato-Grossense de Futebol (FMF), que colocaram "obstáculos" na realização das festividades na Arena Pantanal, na Capital -, o prefeito cancelou o evento.

 

 

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Paolo | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 12h02
    3
    0

    2,100 milhões numa BOSTA dessa? Tá de comédia só pode.

INFORMES PUBLICITÁRIOS

MAIS VÍDEOS